Na grande maioria dos casos, as mulheres são as grandes vítimas de Abusos sexuais. No entanto, o que mais choca é saber que, muitas vezes, o abusador é uma pessoa próxima à família. Há casos em que até o próprio familiar é quem comete o crime. Um caso semelhante aconteceu na noite desta quinta-feira (22), na cidade de Taubaté, São Paulo. Uma menina de 15 anos foi abusada sexualmente pelo próprio tio. Lutando contra o tio, ela conseguiu enviar um áudio para o pai pedindo socorro.

Publicidade
Publicidade

O pai da menina estava voltando para a casa quando recebeu a mensagem da filha. Ao escutar o áudio, a surpresa: a filha estava prestes a ser estuprada pelo próprio tio. O pai então se apressou para chegar em casa. No entanto, já era tarde demais. O Estuprador já havia cometido o crime e abandonado o local. O pai então ligou para a Polícia contando os fatos. Rapidamente, a polícia fez uma busca próximo à casa da vítima e encontrou o estuprador.

Segundo a polícia, ele não reagiu à abordagem e confessou o crime.

Ele falou com os policiais que é usuário de drogas e de bebidas alcoólicas. Não se sabe se no momento do crime ele estava sob efeito alucinógeno, no entanto, disse aos policiais que estava arrependido do que tinha feito com a sobrinha. Em entrevista, o policial disse que não houve conjugação carnal, porém, de acordo com a nova lei, não é necessária a efetivação da penetração para ser considerado estupro.

O pai ficou chocado ao ouvir o áudio. “Socorro, o tio está tentando me estuprar”, disse a menina no áudio.

Publicidade

O pai ficou ainda mais chocado ao saber que foi seu próprio irmão que cometeu o crime. "Meu sangue, e fazer isso com minha filha. "Ele arrastou ela para a minha cama e tentou abusar", disse o pai.

O homem foi levado para a delegacia da mulher e preso em flagrante por estupro. Ele pode pegar de oito a doze anos de prisão.

O caso foi bastante discutido na internet. Muitos internautas disseram que usuários de bebidas ou drogas geralmente usam como desculpa para seus crimes o vício.

"Esses caras se drogam e bebem só fazem coisas ruins... cadê que não vai limpar a casa, ajudar uma idosa, cortar a grama ou algo assim "pô tava drogado e acabei ajudando aquela senhora", disse um internauta.

“Meu Deus, que absurdo! De todos os atos de covardia, o abuso contra a mulher reduz o indivíduo ao mais baixo dos seres! Que a justiça seja feita para essa jovem”, falou outro

"Essas penas ridículas são um incentivo enorme para esses monstros", escreveu um internauta no site do G1.

Publicidade

Leia tudo