O policial identificado como Rafael dos Santos Castro morreu durante uma operação policial no Rio de Janeiro.

Segundo algumas informações, os policiais estavam realizando uma operação na Bacia do Éden, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Durante o confronto, o policial acabou levando um tiro na cabeça, perna e no abdômen. Ele chegou a passar por atendimento médico, mas acabou não resistindo ao ferimentos e morreu.

Na operação, outro policial ficou ferido, sendo atingido de raspão na cabeça. Ele foi identificado como Alexandre de Souza da Silva, e seu estado de saúde é estável.

Situação dos policiais militares no Rio de Janeiro

Atualmente, os policiais estão sendo alvo de criminosos. Até o final do ano passado, foram registrados quase 150 policiais militares mortos e mais de 60 feridos em confronto com bandidos.

Até o momento, 16 policiais foram mortos no ano de 2018.

Esse é o retrato que os militares estão passando. Sobre essas mortes, nenhum político se posiciona sobre o fato. Diversos policiais estão pedindo baixa da corporação, pois temem ser as próximas vítimas dos criminosos. ''Eu sonhei em entrar para a Polícia e acabei realizando o meu sonho. Diante esse caos que o estado está passando, sou obrigado a pedir baixa'', comentou um policial que não quis se identificar.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Além dessas mortes, os policiais passam por uma outra dificuldade. As viaturas estão em péssimo estado de uso, algumas não têm freio. A maioria se encontra com os pneus carecas e falta de manutenção.

Concurso para polícia

O último concurso foi aberto no ano de 2014, disponibilizando 6 mil vagas. Até o ano de 2018, pouco mais de 3 mil aprovados foram chamados. Sobre isso, aqueles que não conseguiram entrar, recorrem na Justiça, pois muitos largaram seus empregos pensando que iriam fazer parte da corporação.

Até o momento, não há previsão de um novo edital. Isso irá permanecer até o estado se reerguer financeiramente.

Aumento na violência

Pesquisas indicam que nos últimos meses o estado tem registrado diversos casos de assaltos e roubos.

Como a violência cresce no estado, algumas seguradoras de veículos estão aumentando o valor do seguro. Dependendo da área, o seguro não aceita a proposta. Isso está prejudicando a vida de muitos cariocas, que tentam comprar um carro, mas não estão conseguindo colocar no seguradora.

''Comprei um carro recentemente e não estou conseguindo colocar no seguro, pois eu moro em uma área de risco'', comentou um homem.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo