Um bandido morreu durante um confronto com a Polícia. O fato foi registrado na última quinta-feira (1º), no Pilarzinho, bairro de Curitiba, capital do Paraná.

Segundo algumas informações, uma equipe da Polícia Militar estava fazendo uma patrulha rotineira, quando recebeu um aviso da central corporação relatando que algumas pessoas haviam roubado um carro da marca Hyundai HB20 preto. Diante dessas informações, os policiais começaram a procurar o veículo.

Após alguns minutos de procura, uma guarnição localizou o automóvel com os ocupantes.

Publicidade

Em seguida, os militares pediram para as pessoas que estavam no HB20 se renderem e encostarem o veículo, mas os assaltantes ignoraram o pedidos e aceleraram o carro em alta velocidade, iniciado uma intensa perseguição.

Quando os suspeitos chegaram à Rua São Domingos, perderam o controle do veículo e colidiram com um muro. Após a batida, um dos ocupantes desceu armado e fugiu a pé, invadindo algumas residências da localidade.

Em seguida, diversas viaturas policiais montaram um cerco na região, para dificultar a fuga do suspeito.

Os policiais acabaram encontrando o assaltante, que atirou na direção dos policiais, que revidaram. Na troca de tiros, o acusado acabou morrendo antes da chegada do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma.

Com ele, os policiais acabaram encontrando um revólver calibre 38. Por motivos de segurança, o suspeito acabou não tendo a identidade revelada.

O outro ocupante que estava no veículo conseguiu fugir após o veículo colidir com o muro. Os policiais ainda fizeram algumas buscas no Pilarzinho e bairros próximos, mas não conseguiram encontrar o elemento.

Publicidade

Segundo informações, o veículo tinha sido roubado durante uma um roubo a residência. No interior do carro havia diversos itens que os criminosos tinham roubado. No confronto, nenhum policial ficou ferido. Até o fechamento desse artigo, o segundo envolvido no assalto ainda não foi localizado.

O delegado responsável por essa investigação pede a colaboração de toda a população para informar o paradeiro do suspeito foragido.

Medo

Diante a troca de tiros, alguns moradores da região ficaram apavorados com a cena de guerra que presenciaram durante alguns minutos.

Essa violência vem se tornando normal na vida de alguns moradores de Pilarzinho.

Como o estado do Paraná tem passado por uma certa crise financeira e política, os bandidos acabam se aproveitando disso para realizaram diversos roubos e assaltos.