A Criminalidade no Brasil é um problema que causa muita insegurança para os cidadãos de bem e a falta de investimento em prevenção é o que mais impede que haja uma maior redução deste tipo de ocorrência. Nas regiões onde o tráfico de drogas é intenso e a polícia não consegue agir de forma mais enérgica são onde a população mais sofre.

A disputa por pontos de tráfico, briga entre facções e até roubos e assaltos fazem parte da vida de milhões de brasileiros todos os dias. Um caso de violência foi registrado no Rio de Janeiro, mais precisamente na Zona Norte, na manhã dessa terça-feira, 24 de abril.

O trânsito na Avenida Brasil, na altura de Barros Filho, foi interrompido.

O motivo é que aconteceu uma tentativa de roubo de carga, que terminou em um intenso tiroteio. O trânsito no sentido Zona Oeste foi interditado por policiais do Batalhão de Policiamento de Vias Especiais. Durante a troca de tiros, os motoristas que dirigiam por ali tentaram se abrigar para que não fossem atingidos por uma bala perdida.

Em um vídeo publicado pela página Onde Tem Tiroteio – RJ é possível ver várias pessoas fora dos carros.

Muitos se deitam no chão, próximos à mureta de divisão das pistas, visando se protegerem das balas. Com um fuzil, um dos policiais aparece entre os carros perseguindo os bandidos.

De acordo com informações dadas pela Polícia Militar, os agentes da BPVE receberam informações dos motoristas de que havia um roubo de carga de alimentos na Avenida Brasil. Eles interromperam o trânsito. Os bandidos notaram a presença dos policiais no local e atiraram contra eles.

Por este motivo, houve confronto.

No mesmo local, um carro com homens da Polícia Civil avistou um criminoso correndo armado. Após fazerem as devidas buscas, conseguiram prender o suspeito. Ele portava um revólver calibre 38. No fim das contas, a carga de feijão que seria roubada foi recuperada pelos policiais. A ocorrência foi registrada na Cidade da Polícia, no Jacaré.

De acordo com dados do portal de notícias G1, o Rio de Janeiro registra, em média, 23 roubos de carga por dia.

A maior frequência dos casos acaba encarecendo os preços de diversos produtos por conta do aumento dos custos com segurança e seguro.

Somente nos primeiros 12 dias de 2018 foram registrados 281 casos. Entre os meses de janeiro e novembro de 2017, foram mais de nove mil casos. Os recursos gastos com segurança acabam aumentando os produtos em mais de 4%.

Veja o vídeo da perseguição e troca de tiros entre bandidos e policiais no Rio:

Não perca a nossa página no Facebook!