A hora da refeição não foi nada agradável para uma família de Santos, no litoral de São Paulo, que a partir de agora pensará duas vezes antes de comprar qualquer produto congelado. Na noite da última sexta-feira (4), ao preparar os ingredientes para o jantar, eles tiveram uma desagradável – e indigesta – surpresa ao abrir um pacote de batatas congeladas. E o pior, só foram perceber o corpo estranho dentro da embalagem após terem colocado uma porção na fritadeira. O pacote com o produto estava lacrado até o momento que foi aberto.

Em entrevista concedida ao portal G1, a relações públicas, Mariana Nogueira, relatou o grande susto que levou. Ela havia reunido familiares para jantar, quando seu cunhado abriu o pacote e jogou as batatas ainda congeladas na fritadeira, quando, de repente, achou algo estranho. “Ele estava sacudindo a panela e tomou um susto quando encontrou algo mais escuro”, disse.

Mariana disse ainda que o cunhado, de início, pensou se tratar de uma batata um pouco mais escura, mas após espalhá-las, percebeu que havia patinhas, dando conta então que se tratava de um inseto.

“Ficamos todos com muito nojo na hora, em choque”, contou. A barata ainda estava inteira, apenas com algumas patas soltas, e congelada.

A mulher assegura que o inseto não estava na panela, pois a mesma havia sido lavada momento antes e que a decisão de relatar o caso nas redes sociais teve como objetivo alertar as pessoas desse risco e que tiveram muita sorte ao perceber a presença do inseto, uma vez que ele poderia até mesmo ser ingerido por engano.

“Foi por pouco. Poderíamos até ter fritado a barata”.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Santos

Foi uma situação traumatizante. Não vamos comprar batata congelada por um tempo”, contou. O trauma maior, segundo ela, serão do cunhado, que estava manuseando o alimento na hora em que o corpo estranho foi encontrado. Ela disse ainda que sabe exatamente em qual local o pacote foi comprado e que não irá mais consumir batatas da marca. Mariana também disse que já viu casos dessa natureza, mas jamais imaginou que isso pudesse acontecer com ela e sua família.

O produto, junto com a barata, foi devolvido ao pacote e novamente colocado no congelador e a família agora aguarda uma posição da empresa sobre o caso.

“Mandei uma mensagem para a fabricante, mas até agora não responderam”, disse. A mulher não informou se abriu Boletim de Ocorrência ou se pretende pedir algum tipo de indenização. O portal G1 tentou contato com a fabricante, a Aurora Alimentos, mas não obteve retorno da empresa.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo