Tem circulado na internet um vídeo onde uma jovem é executada a tiros dentro de uma cova. Logo que o material foi postado e viralizou na internet, policiais do Departamento de Homicídios de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, começaram a investigar quem seria a vítima deste brutal assassinato.

As investigações apontam se tratar de Paola Avaly Corrêa, de 19 anos, que estava desaparecida desde o último domingo (13), Dia das Mães.

Publicidade
Publicidade

Parentes da moça dizem tê-la reconhecido no vídeo divulgado nas redes.

Nessa quinta-feira (17), investigadores que estão atuando no caso informaram ter achado o corpo da vítima em um bairro da região Leste de Porto Alegre.

A execução da jovem foi sumária

As cenas do vídeo são fortes e mostram a jovem totalmente dominada, de mãos e pés atados, deitada em uma vala aberta no matagal. A jovem, aparentemente calada e imobilizada, se deita na cova ela, olha para os seus executores e só é possível ver as faíscas que saem do disparo da arma.

Publicidade

A jovem foi alvejada por dois tiros de curta distância. O primeiro foi disparado e em seguida o outro, de modo frio pelo executor. Ao que tudo indica os disparos acertam a cabeça. Até o fechamento deste artigo, ninguém confirmou se a jovem estava envolvida com o tráfico de drogas.

O vídeo foi postado em uma rede social

O vídeo, que provavelmente foi postado na segunda-feira (14), rapidamente ficou popular nas redes sociais, segundo o delegado que está tratando deste inquérito, Gabriel Bicca, do Departamento de Homicídios.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Governo

A gravação foi apresentado nessa quarta-feira (16) para a família para possível identificação de Paola.

Familiares não tem dúvidas de se tratar da jovem. O delegado preferiu não afirmar nada no momento. Por sigilo, preferiu sustentar a versão de que a jovem desaparecida pode estar sendo confundida com outra pessoa. "Ela tem traços que podem nos levar a incerteza de ser Paola", disse Bicca.

A mãe de Paola está transtornada pela morte da filha

Porém, visivelmente abatida e transtornada com tudo que vem ocorrendo e com a possibilidade de ser realmente sua filha, a mãe de Paola Avaly está sendo medicada e foi orientada por equipe médica a não tratar do assunto pelos próximos dias.

Alguns parentes de Paola não quiseram se pronunciar sobre o assunto e pediram que fossem poupados de entrevistas. Somente confirmaram que a jovem havia deixado os estudos para morar em outro bairro, o Bom Jesus, próximo da localidade.

Eles confirmaram ainda que a moça esteve na casa dos pais no domingo para comemorar o Dia das Mães e depois não tiveram notícias.

Paola tinha antecedentes criminais

Paola Avaly tem passagens na Polícia por de receptação de mercadoria roubada.

Publicidade

Também até o momento há indícios de que ela teria uma relação com um criminoso envolvido com o tráfico.

No dia 9 de maio, a jovem fez visitas a Nathan Sirangelo, na unidade prisional de Porto Alegre. O detento é ligado a uma facção criminosa e será ouvido pela polícia.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo