Um crime ainda sem muita explicação vem assustando e intrigando uma verdadeira legião de brasileiros ao redor do país. A jovem, Rayane Paulino Alves de 16 anos de idade, tida como desaparecida desde o último 20, data em que deixou uma festa rave que acontecia no município de Mogi das Cruzes, região Metropolitana de São Paulo, teve seu corpo encontrado na tarde do último dia 28, oito dias após ser vista pela última vez.

Mobilizando familiares, amigos, a mídia e diversas equipes do Corpo de Bombeiros e das Polícias Civil e Militar, o caso está prestes a começar a ser solucionado, visto que na noite deste terça-feira (30), um suspeito foi detido e encaminhado para a Delegacia de Mogi das Cruzes.

Homem é detido suspeito de participação na morte de Rayane

Com o caso sendo investigado pelos agentes da Polícia Civil, novas pistas estão sendo divulgadas na mídia e ao que tudo indica, os investigadores estão prestes a solucionar o que motivou e culminou com a morte da jovem Rayane Paulino Alves.

Segundo a linha de investigação policial, enquanto ainda estava na festa, Rayane teria solicitado um serviço de Uber, que a teria buscado no sítio onde acontecia o evento e ido até um determinado local.

Ainda de acordo com as apurações feitas pelos investigadores, Rayane teria deixado o serviço de Uber e se encontrado com um homem em um carro.

Câmeras de segurança instaladas próximo ao local onde a jovem desceu do Uber, indicam que Rayane teria pego uma carona com o homem considerado o principal suspeito.

Suspeito de envolvimento no assassinato de Rayane é levado pela polícia e presta depoimento em Mogi das Cruzes

De acordo com a equipe de jornalismo do telejornal Balanço Geral apresentado por Luiz Bacci, na RecordTV, a polícia local que investiga o crime, conseguiu imagens da câmera de vigilância, que mostram o exato momento em que Rayane Paulino entra no carro do homem identificado como sendo um funcionário terceirizado da área de segurança da Rodoviária de Guararema.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Polícia

Ao que tudo indica, ele pode ter sido uma das últimas pessoas a verem a jovem com vida e por este motivo, se torna o principal suspeito de ter envolvimento em sua morte.

O nome do suspeito não foi fornecido pela equipe investigativa da Polícia Civil de Mogi das Cruzes, que segue investigando o crime. a fim de explicar detalhadamente o que de fato aconteceu com a jovem na madrugada em que deixou o sítio onde participava de uma festa na companhia de duas amigas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo