Quem venceu a eleição desse último domingo, 28, foi Jair Bolsonaro (PSL), com mais de 55% dos votos válidos em todo o Brasil, no entanto, Pabllo Vittar, famosa cantora drag queen do Brasil é quem também está nos quatro cantos da internet sendo comentada, exatamente porque uma fake news surgiu com o seu nome dizendo que Pabllo sairia do Brasil caso Bolsonaro vencesse a eleição presidencial no País.

No Twiiter, esse assunto assumiu os trending topics, ou seja, tornou-se um dos assuntos mais comentados nessa rede social.

Várias pessoas pediram a saída de Pabllo Vittar do Brasil e, junto com a cantora, Jean Wyllys, que acabou também se tornando um alvo de fake news, o nome do deputado também surgiu nos rumores com uma notícia falsa de que ele sairia do Brasil caso o candidato do PSL vencesse a eleição, mas o próprio Jean já tinha desmentido isso.

'Eu não vou embora do meu país', diz Vittar

“É hoje aquele dia que o Pablo Vittar vai embora do Brasil?

Até que enfim chegou!”, diz um dos seguidores de rede social, que sustenta a fake news. Vittar fez um vídeo público, muito antes do resultado das Eleições desse segundo turno, assegurando que não sairia do Brasil caso Jair Bolsonaro vencesse a disputa para presidente, porque, de acordo com a drag queen: “Eu não vou embora do meu país, eu nasci aqui e vou morrer aqui”, disse a cantora sobre as fake news com o seu nome que inundaram os quatro cantos da internet recentemente.

Jean Wyllys e Gilmar Mendes também entram em comentários de seguidores

Já com relação a Jean Wyllys, a fake news que circula pelas redes sobre que ele teria dito que sairia do Brasil caso Bolsonaro vencesse a disputa presidencial de 2018, vem desde 2016, quando o deputado teria dado uma suposta entrevista e nela comentou que caso a ex-presidente Dilma fosse retirada do cargo naquele momento, ele poderia pegar as malas e ir embora do Brasil.

Nessa mesma época, o próprio Jean Wyllys desmentiu a fake news e comentou, em seu perfil de Facebook, que jamais abandonaria o seu país e que o seu objetivo era o de sempre permanecer por aqui.

“Eu amo o Brasil e sua gente”, disse o deputado, na ocasião. Ele ainda argumentou que gosta do jeito trabalhador do povo brasileiro e elogiou a população por acordar cedo e ir trabalhar, sempre em busca do sustento da família.

“Eu não vou abandonar essa gente”, disse o deputado, em sua rede social oficial. Mas não somente Jean e Pabllo acabaram sendo comentados nesse sentido, mas, também, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, que acabou caindo nas fake news de que ele poderia abandonar o Brasil caso Bolsonaro vencesse a eleição.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!