Ao menos sete pessoas ficaram feridas em um acidente ocorrido na tarde desta quinta-feira [VIDEO] (6), quando um motorista de ônibus perdeu o controle do coletivo, subiu com o veículo na calçada e bateu na fachada de uma agência bancária, na avenida Rio Branco, próximo da esquina com a avenida Presidente Vargas, na região central do Rio de Janeiro. O Acidente só não teve consequências mais graves porque uma pilastra da fachada do prédio impediu que o veículo entrasse totalmente dentro do imóvel.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Polícia

O acidente ocorreu por volta das 13h30.

De acordo com as primeiras informações, nenhuma das pessoas feridas no acidente estava dentro do ônibus, que fazia a linha nº 422 (Grajaú-Cosme Velho).

O caso mais grave é de uma mulher, que, de acordo com informações da Rede Globo, corre o risco de ter que amputar um pé. O motorista e os passageiros do ônibus não se feriram.

O motorista do ônibus [VIDEO] foi levado para a delegacia para prestar depoimento. Pessoas disseram que ele perdeu o controle do veículo, subiu na calçada. Não se sabe ainda o que levou o condutor a perder o controle do coletivo. Os feridos foram encaminhados ao Hospital Souza Aguiar.

Por conta do acidente, o trânsito chegou a ser interrompido na avenida Rio Branco, mas, por volta das 15h, parte da via já havia sido liberada, apenas com uma faixa ainda estando bloqueada, o que deixou o trânsito lento. O Centro de Operações de Trânsito recomentou desvios ou, se possível, que as pessoas se utilizem do metrô, que segue operando normalmente.

Pensaram que fosse um assalto

Roberta Ferreira, que estava na agência do banco Santander na hora do acidente, disse que chegou a pensar que se tratava de um assalto e que as pessoas machucadas foram atingidas por estilhaços. “Eu achava que era um assalto. O vidro quebrou em cima da gente e achei que ia morrer”, contou.

Após o acidente, algumas imagens foram compartilhadas nas redes sociais mostrando a destruição no interior da agência bancária, inclusive com a parte da frente do ônibus, onde fica o motorista, no interior do prédio. “A gente escutou o barulho. Quando foi ver, o ônibus já estava dentro do Santander”, disse Aline Rodriguez, que trabalha em um prédio em frente onde ocorreu o acidente. Ela disse que ouviu relatos dando conta de que o motorista teve problema com a direção.

Este é o segundo acidente desse tipo que ocorre no Rio de Janeiro somente esta semana. Na terça-feira (4), um manobrista se atrapalhou com o câmbio automático de um carro e acabou invadindo uma loja. O acidente ocorreu em Copacabana e o homem que provocou o acidente fugiu.