Ainda chocado com a morte prematura de dez jogadores da base do Flamengo, nesta segunda-feira (11), o Brasil voltou a se abalar com outra trágica notícia, dando conta da morte do jornalista Ricardo Boechat, da TV Bandeirantes e Band News FM, vitimado por um Acidente de helicóptero no Rodoanel, em São Paulo.

Pessoas que passavam pelo local na hora do acidente registraram a aeronave ainda em chamas e o resgate do motorista do caminhão envolvido no acidente, que estava preso na cabine.

No vídeo, de pouco mais de dois minutos e meio, é possível ver o caminhão parado na rodovia e logo atrás dele o helicóptero em chamas.

Publicidade

Ainda é possível ouvir algumas explosões em meio a comentários atônitos de pessoas que pararam para ver o que estava acontecendo.

“Ele caiu na nossa frente, malandro”, disse um rapaz. “Meu Deus do céu, o cara tá morto ali”, falou outro. Uma fumaça muito densa também cobria a visibilidade dos motoristas.

Após registrar o incêndio, o cinegrafista amador se aproxima do caminhão, que estava com a cabine parcialmente destruída. Um homem pergunta se o motorista está bem, enquanto uma mulher pede ajuda para conseguir abrir a porta do veículo. Até aquele momento, não havia chegado nenhum carro de resgate. Somente nos instantes finais da gravação é que se escutam as primeiras sirenes.

'Um dos piores momentos da minha vida', diz Datena

Coube ao experiente jornalista José Luiz Datena ser o porta-voz da Bandeirantes e comunicar ao vivo a notícia da morte do colega. Sem conseguir conter as lágrimas, Datena disse que este era o momento mais difícil da vida dele.

“Eu já vivi momentos muito difíceis na minha vida”, disse Datena ao falar da dificuldade em noticiar a morte do amigo. “Podem ter certeza que é um dos piores momentos da minha vida, da minha carreira”, disse. “Não tenho muito o que dizer, somente comunicar essa notícia profundamente triste”.

Publicidade

“É muito triste ter que dar essa notícia”. O jornalista voltada de uma palestra na cidade de Campinas e tinha como destino o heliponto da Bandeirantes, em São Paulo. Quando estavam quase chegando, de acordo com as primeiras informações, a aeronave começou a apresentar falhas e o piloto tentou fazer um pouso forçado, supostamente no canteiro central do Rodoanel, no entanto, ele acabou sendo atingido em cheio por um caminhão e explodiu. Os dois ocupante da aeronave morreram na hora, enquanto o caminhoneiro sofreu ferimentos leves.