A influenciadora digital Kamylla Wanessa Cordeiro de Melo abriu o seu coração para a revista Marie Claire sobre como foi descobrir, após meses internada, que a a mãe a traiu com o seu marido. A jovem, de Pernambuco, contou que sua mãe foi morar em sua casa para ajudar o seu marido a cuidar do neto, que na época tinha 4 anos.

Mulher sobre relação com a mãe

A jovem Kamylla começou seu relato contando que cresceu em uma família tradicional do Recife, sendo criada pelo pai e a mãe, e que tem dois irmãos mais novos. Segundo ela, seus pais foram casados por 32 anos, e revelou que na adolescência, quando tinha entre 13 e 14 anos, sua mãe começou a competir com ela.

A Mulher contou que sua mãe é 20 anos mais velha que ela, mas que na ocasião falava que as roupas da adolescente ficavam melhores nela, que a comida dela era melhor e que nada que fazia era bom para a mãe. De acordo com Kamylla, a mãe manipulava o marido e falava que fazia aquelas coisas para melhorar a autoestima da filha.

Kamylla disse que aos 25 anos, no final de 2012, conheceu um rapaz 10 anos mais velho, por quem se apaixonou. Esse rapaz era primo de amigos dos seus irmãos e ela o conheceu dentro da sua casa. Eles começaram a namorar e em agosto de 2013 se casaram e no ano seguinte tiveram um filho, após uma gravidez complicada.

Mulher realiza cirurgia e fica em estado grave

A jovem contou que em 2017 resolveu fazer uma cirurgia bariátrica, não para emagrecer, mas por causa das taxas hormonais.

Ela contou que sofreu um AVC após a cirurgia e teve que voltar para o hospital, passando o Réveillon e os próximos meses internada, até o dia 22 de março de 2018.

Como seu filho era pequeno, sua mãe mudou-se para a sua casa para ajudar a cuidar do neto e seu pai ficou no interior de Pernambuco, com o filho mais novo. Kamylla relembra que nos últimos 17 dias de internação ficou em estado grave, tendo que ir para uma UTI.

Por causa do seu estado grave, seu pai foi para Recife para visitá-la e foi quando descobriu que o genro nunca mais tinha ido ao hospital visitar a esposa. Ela contou que depois descobriu que nos meses em que esteve internada lutando pela vida, o marido esteve apenas duas vezes no hospital para visitá-la e a mãe nenhuma vez.

Como descobriu traição da mãe com o marido

Segundo a mulher, como ela teve uma melhora, seu pai assinou um termo para tirá-la do hospital, pois não estava de alta, e levou-a para a casa dele. Horas após ir para a casa do pai, que havia buscado seu filho pequeno, ele a contou que sua esposa e o marido da mesma estavam tendo um caso.

Para Kamylla, essa foi a pior dor que sentiu na vida e não foi física. Ela conta que era como se tivesse levado uma facada no peito e se o pai tivesse falando que os dois haviam morrido em um acidente. Ela conta que ligou diversas vezes para o marido, que não a atendeu, e que pouco depois ele mandou uma mensagem com um pedido de separação, sem explicações.

Ela conta que ligou para a mãe e que ao perguntar se era verdade que os dois estavam juntos, ouviu que sim e que estavam muito felizes. Kamylla voltou para casa três dias depois e viu que o marido tinha levado todos os seus pertences.

Seu pai se separou 15 dias depois, tempo que a sua mãe e o ex-marido usaram para irem morar juntos.

Ela conta que tempos depois seu avô lhe ligou contando que viu os dois juntos e que ninguém da família nunca mais falou com os traidores. Hoje em dia, ela conta que é obrigada a dividir a guarda do filho com o ex-marido e a ver o mesmo convivendo com essa relação tóxica e nociva. Ela relembrou que no dia 2 de março, a mãe comemorou o aniversário de Relacionamento com o ex, sem disfarçar que a relação começou com ela no hospital.

Ela terminou contando que após quase dois anos do ocorrido, conheceu uma boa pessoa com quem está namorando, em uma relação de respeito e ética. Ela virou influenciadora digital e modelo fotográfica e ajuda as pessoas contando a sua história de superação.

Siga a página Relacionamento
Seguir
Siga a página Mulher
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!