Morreu na manhã desta quinta-feira (10) o banqueiro Joseph Yacoub Safra, aos 82 anos. Considerado o homem mais rico do Brasil pela revista Forbes, Joseph Safra morreu de “causas naturais”.

Recentemente a Forbes divulgou que neste ano de 2020 o banqueiro tinha superado o empresário Jorge Paulo Lemann e se tornou o homem mais rico do Brasil. A fortuna de Joseph está estimada em aproximadamente R$ 119,08 bilhões. Segundo a Forbes, ele era 63ª pessoa mais rica do mundo.

Joseph Yacoub Safra ficou conhecido por seu trabalho filantrópico e por ser uma das personalidades fundamentais para a comunidade judaica no país.

Segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa do Banco Safra, o filantropo morreu de causas naturais. Ele sofria com complicações de saúde, entretanto, a assessoria não entrou em detalhes acerca das causas da morte do banqueiro.

O sepultamento será realizado para amigos e familiares, às 13h, desta quinta-feira, no cemitério Butantã, em São Paulo.

Banco Safra emite nota sobre morte do banqueiro Joseph

Em nota divulgada à imprensa, o Banco Safra emitiu uma nota comunicando o falecimento do banqueiro, de causas naturais. A nota ressaltou a trajetória de Joseph Safra, dizendo que ele nasceu no Líbano, em 1938, e posteriormente emigrou para o Brasil nos anos 60. O motivo para a imigração ocorreu porque Joseph safra queria dar continuidade aos trabalhos do seu pai no Banco Safra.

A nota ainda destaca que ele se casou com Vicky Sarfaty, em 1969, teve 4 filhos frutos de seu relacionamento com ela, e 14 netos. A nota destacou que ele sempre foi um belo exemplo de pai e esposo, se preocupando sempre com o bem-estar de todos a sua volta.

A nota destacou ainda qualidades do banqueiro, informando que ele era afável e perspicaz. Além disso, destacaram a dedicação profissional do banqueiro, dizendo que ele foi um verdadeiro banqueiro e um grande empreendedor.

Segundo a nota, Safra foi um grande líder, responsável, que olhava os Negócios com seriedade e comprometimento. Era um homem respeitado dentro e fora de sua empresa.

A nota destacou que ele viveu uma vida reservada e sem muitas exposições, e revelou que Safra sempre dizia que sentia orgulho do Brasil e torcia para o Corinthians.

Joseph Safra foi um filantropo que ajudou muitas pessoas apoiando diversas causas sociais, culturais e religiosas.

Ele ajudou a construir templos religiosos, creches, escolas hospitais e museus.

A nota encerrou ressaltando que Joseph Safra semeou raízes de altruísmo e excelência e que estava partindo, mas deixando um legado para ser seguido por gerações futuras. E finalizou dizendo que ele iria deixar saudades.

Joseph Safra ficou conhecido por ser o empreendedor responsável pela construção do Banco Safra no Brasil e no mundo.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Negócios
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!