O novo vídeo da Volvo de uma caminhoneira puxando um paraglider se transformou rapidamente no novo Viral da internet. Ele teve cerca de 380 mil visualizações no primeiro dia em que foi postado no YouTube, nesta terça-feira (29). O vídeo repete o sucesso que a fabricante sueca obteve em 2013, quando o ator Jean Claude Van Damme fez um espacate (movimento de abrir as pernas até formar ângulo de 180 graus) entre dois Caminhões. Esse vídeo já teve cerca de 85 milhões de visualizações.

O novo faz parte da campanha da Volvo Trucks para incentivar a economia de combustível. Ela aponta que é possível atingir uma condução mais eficiente com a integração entre o motorista e as tecnologias disponíveis.

Para demonstrar os recursos de seus caminhões, a fabricante mostra a caminhoneira Louise Marriot, que está na estrada há 12 anos, puxando o paragliding profissional Guillaume Galvani.

A produção

As gravações foram feias nos Alpes Dinaric, na Croácia, uma grande cadeia de montanhas que se estende pela Albânia, Bósnia, Herzegovina, Itália, Kosovo, Montenegro, Sérvia e Eslovênia. Louise dirigiu um Volvo FH 540, linha disponível no mercado brasileiro, que desenvolve até 527 cavalos de potência entre 1.500 e 1.800 rpm (520 hp) e 254,9 kgf.m de torque máximo entre 1.050 e 1.450 rotações por minuto (2.500 Nm).

O trabalho da motorista era manter a velocidade para manter o parapente em voo, ajudando Galvani a subir e descer para superar os obstáculos. A cena mais espetacular é quando o paragliding passou sob uma pequena ponte.

Os melhores vídeos do dia

Foi um momento tenso. Embora tenham sido feitas todas as medições e cálculos para que a manobra fosse executada, sempre há o risco de acidente.

A campanha

A Volvo Trucks ressalta que o segredo para reduzir o consumo de combustível, aponta a fabricante, é manter a velocidade média por maior tempo possível. Ela apresenta ainda a tecnologia disponível em seus caminhões que ajudam a obter maior eficiência. Entre elas o câmbio automatizado com duas caixas de engrenagens em uma que permite o fornecimento de potência ou torque sem interrupções.

A fabricante aponta ainda uso de novo turbocompressor, dependendo da versão, pneus mais eficientes, curso para motoristas e fornecimento de softwares para controle individual de cada caminhão ou de toda a frota par atingir maior economia.