Sabe quando você vai à feira ou ao supermercado, compra frutas e verduras e quando chega em casa e vai comê-las ou utilizá-las para algum prato, vê que elas não estão tão boas quanto pareciam? Muitas vezes pegamos frutas achando que estão boas e quando vemos estão totalmente ruins, nesse caso desperdiçamos dinheiro e ficamos sem o alimento que queríamos. Mas há algumas Dicas para cada tipo de alimento, para que você veja se está bom ou se já está passando do ponto.

Dicas para saber como escolher frutas e verduras na feira

Couve e brócolis: Quando estão com as folhas esbranquiçadas ou amareladas, é porque já não estão boas. Escolha as com folhas vem verdinhas.

Abacate: Os foscos são os que estão no ponto. Se a casca está brilhante e muito clara, é porque eles foram colhidos antes do tempo.

Banana: As bananas mais finas podem indicar que foram colhidas antes do tempo, por isso prefira as mais gordinhas, que têm mais sabor e mais nutrientes.

Cebola: Cebolas com partes que indicam início de podridão ou as brotadas não devem ser escolhidas. O cheiro forte já indica que a cebola está ruim.

Tomate: Quando estão com partes meio murchas, é porque já estão passando do ponto. E os verdes não amadurecem, esqueça a ideia de comprá-los e esperar que amadureçam. O tomate amadurece no pé, depois de colhido não.

Cenoura e beterraba: Quando são muito grandes, podem estar endurecidas no meio. Então sempre que for escolhê-las, prefira as pequenas e médias.

Batata: Sabe quando a batata está meio esverdeada? Perigo! É efeito da solanina, que é um tóxico. Já nas brotadas, o amido já virou açúcar.

Abacaxi: Observe as escamas: quando os gomos do abacaxi estão mais afastados e chatos, é porque ele está mais doce.

Laranja: Sempre pensamos que a cor de sua casca tem a ver com a maturação, certo? Mas não. O que devemos observar é que se a casca está alaranjada demais é porque a laranja está velha.

Fora isso, algumas dicas são gerais e valem para todos os alimentos:

* Pontos pretos podem indicar podridão

* Rachaduras indicam que podem estar contaminados por bactérias ou por produtos químicos

Sabendo como escolher as melhores frutas e verduras, a sua próxima ida à feira será, certamente, bem mais proveitosa.