A capa da revista Momento Diabetes, especializada na doença, traz um artigo exclusivo para pais que recém descobriram que o filho tem diabetes.

É certo que a descoberta muda toda a rotina familiar, mas com o tratamento certo prescrito pelo médico, muito amor e carino, a criança pode crescer saudável e feliz.

Surgimento do diabetes

Ninguém está preparado para a notícia de uma doença crônica, mas é fato que o diabetes não escolhe idade e qualquer um está sujeito a ele, em qualquer momento da vida. A diferença entre o diabetes de uma criança e de um adulto é que este último geralmente apresenta diabetes tipo 2, que está relacionado a um estilo de vida pouco ou nada saudável (alimentação desequilibrada e sedentarismo) e nas crianças, o tipo de diabetes que predomina é o do tipo 1, uma doença autoimune, na qual as células-beta do pâncreas, responsáveis por produzir insulina, param de trabalhar e passam a atacar umas as outras.

Essa representa 10% da população e está em crescimento. [VIDEO]

Crescimento do diabetes tipo 1

De acordo com a endocrinologista Liliane Bobarto Licciardi, professora da PUC de Sorocaba, "o diabetes tipo 1 ainda é minoria, mas tem crescido tão fortemente quanto o diabetes tipo 2. É o paciente que mais precisa de apoio da equipe multidisciplinar e da família."

Ainda não se sabe com exatidão a causa desse aumento, mas há várias teorias sendo estudadas. De acordo com a coordenadora do Departamento de Novas Terapias da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), Denise Reis Franco, uma das teorias é a de que ambientes higienizados podem estar causando um déficit no sistema imunológico, enquanto que outra tese aponta para o aumento de peso nos dois primeiros anos de vida, o que sobrecarrega o pâncreas.

Ambas são apenas teorias.

Tratamento

"Enquanto não descobrimos as causas reais, nem a cura, é importante saber que o tratamento evoluiu muito e os pacientes podem viver bem controlado o diabetes", afirma Denise e Liliane complementa: "Esses meninos e meninas vão crescer sem deixar que a doença os impeça de realizar seus sonhos. Tenho muitos colegas, endocrinologistas de renome que têm diabetes.(...) a mensagem é, seu filho pode ser o que quiser, mesmo que tenha diabetes.", enfatiza a médica.

Há, hoje em dia, muitos acessórios modernos que podem ser usados para 'mensurar' e controlar o diabetes, da mesma forma, há inúmeros aplicadores de insulina que podem ser transportados na mão ou na bolsa e ajudam a manter a Saúde em dia.

O tipo de terapia escolhida deve ser feito em conjunto com um médico especializado [VIDEO]. Depois disso, aceitar o diagnóstico e fazer as alterações necessárias é fundamental para o sucesso do tratamento e a vida saudável do paciente.