Resultados de pesquisas comprovam que o osso mais refinado e sensível no ser humano é o dente. É indispensável que o cuidado com eles [VIDEO]seja uma tarefa cotidiana. Mas quem pensa que só uma boa dieta e escovação habitual são suficientes, está muito enganado. Os problemas identificados e o tratamento dos dentes e gengivas são totalmente dependentes de um profissional formado em odontologia.

Embora para alguns o tratamento dentário seja considerado relativamente caro, é preciso que haja um consenso de que extrações e obturações sem anestesia e a negligencia com a higiene são altamente arriscadas.

Os dentistas são qualificados para usarem como auxílio vários instrumentos, incluindo os raios-X para detectar alterações em dentes cujo aspecto externo esteja normal.

As cáries são o mais comum dos problemas dentários. São originadas da decomposição do tecido devido à ação de ácidos produzidos por bactérias.

O primeiro passo do tratamento da cárie é desbastar a área afetada com uma broca, criando uma cavidade regular. Ela é então preenchida com amálgama, ouro ou resina sintética. Para evitar complicações e desconforto, é preciso aderir uma disciplina de uma higiene bucal cotidiana.

Uma escovação correta evita a formação de placas, acúmulo de resíduos nos dentes, nas quais as bactérias se multiplicam, e decompõem o açúcar do alimento formando-os em ácidos, que, por sua vez, provocam as cáries.

O s dentes quebrados podem ser restaurados pela coloração de uma coroa, um grande pedaço de metal ou de porcelana. A extração do dente e sua substituição por um artificial só é feita em último caso.

O meto de restauração mais bizarra era usado no século XVIII, onde as dentaduras eram fabricadas com dentes roubados em túmulos ou extraídos de soldados mortos.

Os dentes devem ser escovados um a um, com movimentos suaves. Escovar com força é extremamente desnecessário e prejudicial, pois resulta no desgaste do esmalte.

A escovação precisa agir sobre os dentes em todas as direções. Deve-se tentar introduzir as cerdas nos espaços entre os dentes. A limpeza da parte anterior dos dentes é tão importante como a da parte da frente. Uma boa escovação também estimula as gengivas. [VIDEO]

Uma boa aparelhagem é indispensável

- Um pequeno espelho montado em ângulo numa base, juntamente com uma lâmpada forte para iluminar a boca, e um sugador para retirar a saliva, capacita a visão do dentista para examinar os dentes.

- As brocas giram 300 mil vezes por minuto, reduzindo o calor e assim a dor. Ela serve para retirar dos dentes as partes danificadas, formando a cavidade, que, por sua vez é, preenchida com uma obturação feita de metais ou resinas.

- Os raios-X são sumamente indispensáveis para que se possam visualizar as estruturas internas dos dentes. Nas crianças, ele é usado para acompanhar o desenvolvimento dos novos dentes. Isso permite detectar desvios e proceder a tratamentos de correção. [VIDEO]

- A tecnologia torna o tratamento dentária seguro e, graças À anestesia, quase indolor. Parte do material que o dentista usa precisa ser descartável ou esterilizada entre as consultas. Para atender com segurança e eficácia, é necessário que o consultório esteja devidamente equipado e organizado.

- Os principais equipamentos são: bandeja de instrumentos, diferentes tamanhos e tipos de brocas, acento regulável, lâmpada potente num braço articulado, sugador de saliva e detritos da boca, aparelho de raios-X, esguicho de água para lavar a boca e equipe móvel.