O avanço da ciência existe justamente para evitar que algumas doenças provoquem graves males à sociedade. [VIDEO] Recentemente, uma epidemia de uma superbactéria que "come" carne humana ganhou destaque nos principais veículos de comunicação de todo o mundo. A chamada úlcera de Buruli está a apavorar médicos [VIDEO]da Austrália e o medo é que esse problema seja arrastado para outros lugares do planeta. O foco da nova epidemia é a cidade de Victoria. O mal é especialmente mais forte nas regiões tropicais. Nos últimos anos, o problema cresceu assustadoramente, cerca de 400%. Os especialistas estão intrigados diante de tudo o que houve.

Infecção que come carne humana se alastra e intriga especialistas

As infecções estão tomando muitas pessoas.

Muita gente ficou preocupada de também ser atingida pelo problema. De acordo com informações de instituições que falaram sobre o assunto, pelo menos 275 novas infecções do tipo atingiram o estado australiano de Vitoria só no ano passado. O aumento foi de mais de cinquenta por cento em relação ao ano de 2016. Um artigo publicado por especialistas mostra que é necessário mais dinheiro do governo para que a doença seja melhor estudada.

'Ninguém entende', dizem especialistas sobre superbactéria

Daniel O'Brien, que cuida de pesquisas sobre doenças infectocontagiosas, contou que ninguém ainda entende o que está ocorrendo diante da situação. Ele disse que é preciso entender tudo o que ocorre, a fim de ter um parecer definitivo para se entender problema. O médico ainda conta que para ele e outros especialistas tudo está sendo um grande mistério, mas, no momento, outras situações estão sendo abordadas, como chuva e o solo.

Mais de duas mil pessoas estão com doença no mundo

O site da revista Veja, por exemplo, contou que já se sabe que mais de duas mil pessoas nos últimos tempos descobriram a doença. Em países em desenvolvimento, a doença está associada a áreas úmidas e água parada, no entanto, na Austrália, os casos foram amplamente reportados em regiões costeiras. Sem ter um modo de prevenção, especialistas agora temem que o problema possa, aos poucos, ficar mais grave.

Recentemente, outro tipo de bactéria comedora de carne atingiu a ex-socialite Renata Banhara. Ela passou meses no hospital, pois o problema chegou até a atingir o seu cérebro. A situação mexeu com muita gente e alguns desejaram por sua melhora. Recentemente, Renata voltou ao noticiário por brigar com o ex-marido.