Segundo a Sociedade Brasileira de Oncologia (SBOC), é preferível prevenir o câncer [VIDEO] do que remediá-lo. O tratamento dessa doença é complicado e muitas vezes o diagnóstico pode ser demorado, diminuindo drasticamente as chances de cura. Apesar de alguns cânceres não serem preveníveis, pode-se tentar ter uma vida mais saudável para prevenir muitos deles.

Você sabe o que é câncer? Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), câncer é o crescimento desordenado de células, sendo esse crescimento maligno, invadindo assim tecidos e órgãos.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Saúde

Acontece que essas células podem fazer agressões a esses locais e determinar a formação de tumores ou, tecnicamente falando, neoplasia maligna. Os tipos mais comuns de câncer são o câncer de pele, câncer de próstata, câncer de cólon e reto, câncer de pulmão, câncer de mama e câncer de estômago.

Portanto, prevenir o câncer não é algo que nunca vai ter retorno. Pois sabe-se que existe muitos fatores de risco e, certamente, se conhece muitas pessoas que viviam com eles e infelizmente vieram a desenvolver o câncer.

Sendo assim, segundo a SBOC, pode-se prevenir ou até mesmo reconhecer precocemente com algumas medidas:

1.Manter uma alimentação saudável

A alimentação [VIDEO] saudável deve vir desde a infância, mas se você passou longe dela a vida inteira, nunca é tarde para se obter hábitos saudáveis, pois seus benefícios sempre estarão presentes. A alimentação inadequada é a segunda maior causa de câncer que pode ser prevenida. Uma alimentação rica em fibras pode prevenir, por exemplo, o câncer de cólon e reto. Uma premissa importante no mundo da nutrição é sempre evitar alimentos processados e ultraprocessados.

Isso quer dizer que deve-se evitar alimentos industrializados como o açúcar, enlatados e defumados. De modo geral, pode-se definir esses alimentos como aqueles que não são encontrados na natureza daquela maneira apresentada no mercado, devendo-se preferir então alimentos naturais.

2. Ter alguns cuidados com a exposição solar

Tomar sol é um hábito saudável, que previne muitas doenças. Mas é preferível se expor nos horários mais amenos como antes das 10h e depois das 16h. Nos outros horários, é perigoso se expor demasiadamente e sem proteção solar, como protetor solar, chapéu, óculos, camisetas. A exposição inadequada pode causar câncer de pele.

3. Não fumar

Fumar tabaco passivamente ou ativamente, especialmente ativamente, é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento do câncer. Ele é responsável pela maioria dos cânceres de pulmão, esôfago, cabeça e pescoço e bexiga.

4. Estar com a vacinação em dia

Alguns tipos de vírus causam câncer, portanto, vacinar-se contra esses vírus pode preveni-los.

O vírus do papiloma humano (HPV), pode causar, dentre outros, o câncer de colo de útero. O vírus HBV, da hepatite B, pode causar o câncer de fígado. Além disso, esses dois vírus são transmitidos principalmente pelo contato sexual, portanto é um cuidado a mais que se deve ter, usando-se assim camisinha em todas as relações sexuais.

5. Evitar o álcool

Sabe-se que o consumo crônico do álcool [VIDEO] está relacionado a alguns tipos de câncer, como de boca, de esôfago, de faringe, de laringe, de estômago, de fígado, de cólon e reto e de mama. Portanto deve-se evitar a todo custo o vício.

6. Praticar exercícios

Diversos estudos importantes mostram que a prática regular de exercícios físicos reduz a chance de se ter um câncer. O sedentarismo, sendo assim, é fator de risco para diversos tipos de câncer, principalmente o de cólon

7. Ir ao médico sempre que necessário e periodicamente

Algumas vezes o médico pode pedir exames para descartar a possibilidade de câncer em alguns casos. Outras vezes ele pedirá para certos tipos de pessoas que façam exames periodicamente, principalmente aquelas enquadradas em grupos de risco, como risco familiar aumentado. Sendo assim, pela grande quantidade de tipos de cânceres, apenas seu médico poderá pedir os exames certos e a periodicidade no qual eles serão feitos.

8. Usar anabolizantes com auxílio médico

A prática de exercícios físicos, principalmente de forma moderada, pode prevenir, como já dito anteriormente, o câncer. Porém o uso de anabolizantes, relacionado com exercícios para algumas pessoas, principalmente jovens, pode causar câncer, principalmente o de fígado. Portanto não se deve utilizá-los sem indicação e acompanhamento médico.

9. Tomar certos cuidados na manicure e no estúdio de tatuagem

Essas práticas estão relacionadas principalmente com a transmissão de hepatite, que pode causar câncer de fígado. Portanto, deve-ser ter absoluta certeza de que todos os instrumentos utilizados pelos profissionais relacionados com essas práticas são esterilizados.