A pulpite, popularmente conhecida como "dente inflamado [VIDEO]", pode causar muito incômodo e muita dor em quem a possui. Geralmente, a principal causa de ocorrência da pulpite é a falta de tratamento adequado às cáries dentárias. Quando a evolução do problema atinge a polpa dentária é que as coisas se agravam. Nessa região estão localizados os vasos sanguíneos e vários nervos, que são essenciais para a boa atuação do dente.

O dentista [VIDEO] é o único profissional com capacidade técnica para identificar, de forma correta, a extensão das lesões e definir o tratamento adequado depois que a infecção é diagnosticada.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Saúde

A profundidade da lesão pode levar o dentista a indicar o tratamento através de procedimentos mais simples, como um canal, ou até mesmo a extração do dente lesionado.

Muitas vezes, porém, aguardar até a consulta com um dentista pode se transformar em uma verdadeira tortura.

Seja por falta de tempo ou simplesmente por negligência, as pessoas tendem a adiar ao máximo a visita ao médico ou ao dentista. Mas, quando a dor mais intensa aparece, alguns poucos dias de espera até o atendimento pode virar uma eternidade.

Para amenizar um pouco o sofrimento nesse tempo de espera, uma lista de indicações da Associação Brasileira Odontológica poderão auxiliar a confortar a dor.

A primeira dica é bem simples e óbvia, mas ajudará muito a aliviar o incômodo causado pela pulpite. Antes mesmo da consulta você pode entrar em contato com o dentista, que, identificando o problema, poderá lhe indicar um analgésico para ajudar no alívio da dor. Mas nada de inventar nessa hora, a auto-medicação pode lhe trazer mais problemas com uma reação inesperada que a própria dor de dente.

A segunda solução é mais comum e "informal" que a primeira.

Coloque gelo em uma bolsa térmica ou em uma sacola plástica e aplique no lado inflamado da boca durante 20 minutos. A aplicação deve ser feita na parte externa da bochecha do lado dolorido. Nada de aplicar o gelo diretamente no dente inflamado!

Devido a dor, a higiene bucal costuma diminuir nessas situações. Porém, a presença de alimentos na região afetada pode intensificar a sensação ruim. Por isso, realizar bochechos com água morna e sal para retirar restos de alimentos pode ser muito eficiente para o alívio da dor.

Antes de fazer o bochecho, certifique-se de que a água esteja morna, e não quente. Coloque pouca água por vez, e realize o bochecho de forma lenta para que a lesão no dente não se agrave.

A última dica é especial para as mulheres que estão grávidas. O tratamento nessas condições poderá e deverá ser realizado, mas com um cuidado maior para preservar a Saúde da mãe e do bebê. Infeções dentárias podem afetar a saúde de ambos, e, em certos casos, até mesmo provocar um parto prematuro.