Na cultura popular brasileira, sempre houve a ideia de que viver no campo traz mais paz, tranquilidade e faz bem ao coração, ao passo em que viver na cidade grande, com barulhos e agitações, aumenta o estresse e a possibilidade de depressão e outras doenças. Mas isto raramente é comprovado pela ciência. E, segundo um estudo recente publicado pela BBC, a localização do indivíduo é um fator importante a ser considerado para sua saúde [VIDEO], seja cidade grande, campo ou outro lugar.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Saúde

O psicólogo Mathew White, pesquisador de uma universidade no Reino Unido, acredita que as pessoas são influenciadas pelo lugar em que vivem. Ele relata que as ações praticadas no ambiente, a qualidade do local, o tempo e a forma como os indivíduos se sentem estão incluídas no processo.

No entanto, adverte que os estudos [VIDEO] na área ainda estão muito escassos e, portanto, é difícil definir qual é o melhor local para uma pessoa viver.

Para ele, o benefício de se viver em campo ou outra área rural é a calmaria. Locais afastados da cidade trazem mais tranquilidade, melhor respiração (com menos riscos de asma e alergias) e menos possibilidades de poluição sonora. Por outro lado, quem vive na cidade grande tem menos riscos de cometer suicídio, desenvolver obesidade e sofrer acidentes. De acordo com White, um fator que prejudica pessoas da área rural é a presença de insetos, que podem transmitir doenças. Além disso, também há maior possibilidade de aracnídeos e pragas agrícolas, que prejudicam aqueles que possuem plantações. As queimadas e risco de incêndios também são mais comuns.

Mas, ainda assim, levam vantagem sobre pessoas da área urbana, que convivem com situações de estresse constantemente.

Entretanto, os benefícios e malefícios não se restringem ao urbano e rural. Os estudiosos afirmam que áreas com vista para o mar também têm suas contradições. Ao mesmo tempo em que são boas para relaxar e acalmar, melhorando até problemas cardiorrespiratórios, podem prejudicar quem se expõe muito ao sol, causando dermatites como o câncer de pele.

Melhor local para viver

Segundo White, é importante ressaltar que a Saúde dos indivíduos não dependem unicamente destes fatores. Situações cotidianas difíceis, como perder um ente querido, perder um emprego, sofrer uma decepção e dormir mal podem afetar a saúde de qualquer pessoa, mesmo que esta viva em um ambiente tranquilo. Ele ressalta que o adequado é viver onde se sinta bem, pois "é mais importante ter uma casa do que ficar desabrigado em um parque".