Após a copa do mundo, em 2014, o Brasil se prepara para mais um momento histórico no esporte, pois em 2016 o Rio de janeiro sediará os jogos olímpicos. O processo seletivo para compor o quadro de profissionais e voluntários dos #Jogos olímpicos já está aberto. São 70 mil vagas para voluntários, 85 mil terceirizados e 8 mil funcionários efetivos. As inscrições para voluntários já estão encerradas desde dezembro do ano passado.  Milhares de pessoas se inscreveram e ainda é possível colocar o nome em lista de espera. 

As cidades que mais receberam inscrições foram Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte e elas também terão centros de fixos de treinamento.

Mais 11 capitais receberão postos itinerantes de seleção, inclusive a capital da república cuja previsão é de um quadro de 1,5 mil voluntários trabalhando que poderão atuar nas partidas de futebol no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.   

A data agendada para abertura dos jogos é 5 de agosto de 2016 e a população já está interessada em garantir a participação ao grande evento. Para quem está desempregado é uma excelente chance de obter uma oportunidade futura no mercado de trabalho e, para quem está iniciando, também é uma chance de obter experiência, tanto técnica quanto comportamental, uma vez que desenvolve o trabalho em equipe, liderança e permite troca de vivências.

Os interessados podem cadastrar o currículo para a vaga desejada no portal Rio2016 e se o perfil corresponder ao da vaga, passará por um processo seletivo conduzido pelo Rio 2016, isenta da cobrança de taxa.

Os melhores vídeos do dia

Os selecionados poderão atuar em diversas cidades brasileiras.

O país novamente entra em estado da arte do esporte e já começa a se preparar com diversos tipos de tecnologia e investimento em cursos de formação.  A estimativa para treinar os voluntários selecionados é de cerca de 1,8 mil cursos diferentes e 200 professores. Só no Rio de Janeiro mais de um milhão de pessoas terão aulas de inglês e a capacitação iniciou na terça-feira (24).

Pela quantidade de pessoas trabalhando em prol dos jogos olímpicos, a probabilidade de ser um sucesso para o Brasil é grande, principalmente se depender do Neymar, que deseja fazer história e conquistar o primeiro ouro olímpico do futebol brasileiro.