Os dois gigantes da rede mundial de computadores, Google e a rede social Facebook, anunciaram as primeiras #Vagas para trabalhar no Brasil. A maior parte das vagas já anunciadas são para atuação no exterior.

Google

Para você que deseja estar, literalmente, dentro do maior servidor do mundo, o Google abriu uma vaga para trabalhar como “estrategista de contas” em seu escritório localizado na capital paulista.

Função da vaga: desenvolver estratégias que melhorem o desempenho de vendas dos produtos do grupo Google. Vale ressaltar que o Google não é apenas um mecanismo de pesquisa online, mas sim uma empresa com diversos produtos, como os sistemas Android, o Adsense e o portal de vídeos Youtube.

Requisitos da vaga: inglês fluente e ensino superior concluído na área.

Oportunidade para quem ama programar

O Google também busca alguém para trabalhar como engenheiro de programação que atue diretamente com os seus clientes. Também é exigido nível superior e inglês fluente.

Facebook

O Facebook abriu quatro vagas importantes: líder técnico em TI, gerente de contas, chefe tributário e profissional de marketing. Todas as vagas necessitam que a pessoa tenha nível superior e inglês fluente. No caso do líder técnico e do chefe tributário, é necessário ter disponibilidade para viajar para países da América Latina quando for necessário, logo, para se candidatar é bom estar com o passaporte em dia.

Todas as vagas ofertadas estão disponíveis no site oficial do Google e na própria rede social, no espaço destinado às carreiras.

Os melhores vídeos do dia

Essas são as primeiras vagas dos gigantes cibernéticos para atuar no Brasil. Os salários não foram divulgados, mas estima-se que os valores pagos estejam de acordo com a economia americana e não com a nacional, de forma que o salário deve ser muito mais atraente do que os valores ofertados por uma empresa no Brasil. Mas para descobrir, você precisa preencher os requisitos exigidos e se candidatar no respectivo site da vaga pleiteada.

Depois disso, acredite em você e boa sorte! #Trabalho #Desemprego