A Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) cancelou, nesta terça (29), o concurso público para o cargo de Gestor de Políticas Científicas, por "motivos de conveniência e oportunidade", conforme nota da organizadora.

Aberto no ano passado, o certame foi alvo de diversas mudanças, dentre elas o requisito para o cargo. No início de agosto, o edital dizia que o cargo era destinado a graduados em Administração, Arquitetura, Ciências Contábeis, Engenharias, Gestão Pública ou Matemática. Não durou muito e, no fim do mês, a Superintendência de Recursos Humanos (SRH), organizadora do concurso, abriu a possibilidade para que qualquer portador de diploma de nível superior se candidatasse.

Em setembro, o então reitor da universidade, Ricardo Vieiralves, encaminhou memorando à organizadora pedindo a suspensão do concurso por quatro meses. À época, a alegação foi de que era necessária a "adequação do perfil às necessidades de recursos humanos da universidade". Quatro meses depois da paralisação do concurso, em janeiro de 2016, a nova diretora da SRH, Marcia Caoduro, decidiu prorrogar a suspensão do certame por mais dois meses, mas, dessa vez, sem dar uma justificativa. Ontem, foi publicada a decisão do cancelamento do concurso.

623 candidatos concorriam a 16 Vagas para o cargo, cujo salário era de R$ 4.800,00. Os candidatos têm até o dia 29 de abril para solicitarem o ressarcimento da taxa de inscrição pelo e-mail concursogestor@srh.uerj.br, anexando cópias digitais do comprovante do pagamento da taxa de inscrição, do documento de identidade e do CPF.

Os melhores vídeos do dia

Outros concursos da UERJ na mira dos cortes

Com a crise financeira que assola o estado do Rio de Janeiro, não é excluída a possibilidade de corte em outros processos seletivos que a UERJ vem pleiteando. Concursos para os cargos de Técnico Administrativo e Técnico em Enfermagem, que eram muito esperados tanto pela universidade quanto pelos candidatos, correm o risco de não serem realizados nesse estágio de atenção financeira do estado, ao compasso da declaração desta terça (29) do governador em exercício, Francisco Dornelles (PP), ao dizer que o estágio atual é de "tragédia", em entrevista ao RJTV 2ª edição, da TV Globo.

Concursos para Comunicador Social, Contador, Dentista, Engenheiro, Engenheiro de Segurança do Trabalho, Médico, Químico, Recreador, Técnico em Comunicação Visual, Técnico em Contabilidade, Técnico em Eventos e Técnico em Mecânica seguem como previstos na página da SRH na internet, mas sem definição de quando serão abertos, podendo ser retirados de pauta na agenda atual do estado.