"Beije minha lápide". É isso mesmo. De nomeexcêntrico e fúnebre, peça de Marco Nanini estreia no Teatro Oi Casa Grande, noRio de Janeiro, com promessa de revelar lado mais profundo do artista, comtexto bem trabalhado. Em seu camarim, ele fez um desabafo para o repórter de umperiódico da cidade. Ele acha que o Brasil encontra-se em uma depressão ecrise. Isso tem revelado um sentimento de revolta e desânimo.

"O dólar está altíssimo, as pessoas continuamdesniveladas economicamente e a educação e a Cultura são tristes", disse.

O preconceito velado e declarado tem deixado o ator bastantepra baixo. O tema inspirou sua peça, com texto do escritor Jô Bilac."Beije minha lápide" aborda a intolerância através da história e vidade um escritor homossexual, leitor ávido do inglês Oscar Wilde. Wilde foi quemescreveu "O retrato de Dorian Gray", romance clássico aclamado pelacrítica por abordar de forma sutil a questão.

"Parece que tudo encaretou dos anos 1970 para cá nestepaís", disparou Nanini.

Antenado, o ator declarou ainda na entrevista que quandoalguém é chamado de macaco o país emburrece. "Parece um retrocesso",falou. Questionado sobre seu hábito de fumar, o ator disse que é bastantecontrolado, pois não consegue passar do quinto cigarro por dia. 

Entreouvidos  

Inspirados pelas críticas que a observaram na estreia dapeça, atores Famosos aproveitaram para papear sobre os preços do "RioSurreal".

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Curiosidades

"Aqui está difícil, é o lugar mais caro doBrasil", declarou Lucinha Lins.

Já o galã Chay Suede acompanhou a apresentação na plateia edisse que leu Wilde, não tem uma frase predileta, mas é interessante qualquerobra que aborde a intolerância. O ator está na novela Babilônia, que anda maldas pernas por conta da fraca audiência, vivendo o filho do casal lésbicovivido por Fernanda Montenegro e Nathália Timberg.

Ele espera que um dia o temanão choque mais o brasileiro.

"As pessoas precisam se olhar com mais amor",finalizou Chay.

O teatro Oi Casa Grande fica localizado no bairro do Leblon.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo