A venda de livros cresceu no Brasil no primeiro semestre de 2015. Apesar da crise, houve um aumento de 6,9% no faturamento no mercado editorial, em comparação com o mesmo período de 2014. Outra notícia boa é que o volume de vendas também aumentou 8,6%. De acordo com um levantamento, os Livros de colorir foram os responsáveis por esse aumento.

Na lista dos livros mais vendidos de julho de 2015 estão cinco livros de autores nacionais, entre os gêneros autoajuda e ficção. E ocupando as primeiras posições estão alguns dos livros que figuram na lista dos mais vendidos desde março. 

Top 10 livros mais vendidos de julho de 2015

1º e 2º lugares: Jardim Secreto e Floresta Encantada (Johanna Basford)

 Os dois volumes que introduziram a moda dos livros para colorir no Brasil venderam juntos 104 mil e 217 unidades. 

3º lugar: Philia (Padre Marcelo Rossi)

Philia mantém-se como o livro de autoajuda mais vendido nos primeiros meses do ano.

Foram vendidos 31 mil e 518 exemplares do livro que trata dos dez males da humanidade.

4º lugar: Cidades de Papel (John Green)

O livro, que foi lançado em 2013, subiu algumas posições após a estreia de sua adaptação nos cinemas, em 24 de julho. O filme que já arrecadou quase US$ 50 milhões nas bilheterias do mundo, teve 24 mil e 587 exemplares vendidos.

5º lugar: Minha vida fora de série - 3ª temporada (Paula Pimenta)

Novidade na lista dos 10 livros mais vendidos, a 3ª temporada da obra de Paula Pimenta vendeu 23 mil e 564 unidades.

6º lugar: A mágica da arrumação (Marie Kondo)

Permanecendo na lista, o livro que ajuda a acabar de vez com a bagunça, vendeu 22 mil e 147 cópias.

7º lugar: Não se Iluda Não (Isabela Freitas)

Depois do sucesso de Não se Apega Não, Isabela lançou Não se Iluda Não em julho.

Os melhores vídeos do dia

O livro de autoajuda vendeu 21 mil e 30 exemplares.

8º lugar: A Herdeira (Kiera Cass)

O quarto livro da série A Seleção vendeu 19 mil e 791 exemplares.

9º lugar: Ansiedade: Como enfrentar o mal do século (Augusto Cury)

Na lista dos 10 livros mais vendidos desde fevereiro de 2014, o livro de autoajuda vendeu 17 mil e 106 unidades.

10º lugar: Eu fico Loko (Christian Figueiredo de Caldas)

O livro que conta porque o vlog Eu fico Loko é recorde de visualizações e inscrições vendeu 13 mil e 556 exemplares.

Confira os 10 livros mais vendidos de junho e veja quais deles permaneceram na lista de julho.