Um gênero que vem perdendo força ao longo do tempo no Cinema é o terror. As produtoras parecem ter perdido a criatividade para honrar os longa-metragens, que até a década de 1990, eram os maiores responsáveis por deixar todo mundo acordado, com muito medo.

O que há hoje, em sua maioria, são remakes de clássicos como: 'Nightmare', 'Halloween', 'Carrie' e 'Friday the 13th', que não conseguem sequer reproduzir a atmosfera fantasmagórica de antigamente. 

'Friday the 13th' ('Sexta-Feira 13' no Brasil) é um clássico do terror surgido nos anos de 1980, nos Estados Unidos, dirigido por Sean S.

Cunningham. O filme foi acusado de ser uma cópia de 'Halloween' (1978) e até hoje brinca com o imaginário dos amantes do terror no mundo inteiro. O primeiro filme da saga foi gravado no acampamento de Nobebosco, em New York. A gravação durou 28 dias.

Originalmente o filme se chamaria “A Long  Night  at  Camp Blood”, o que logo foi descartado pelos produtores, que acharam o nome extenso e sem impacto na mídia.

Então, eles decidiram pelo simples e impactante, assim, surge a franquia 'Friday the 13th'.

O que muitos não sabem é que a saga tem em seu primeiro filme, não Jason como assassino, mas sim, a senhora Voorhees, mãe do serial killer, que é considerada pela crítica a mulher assassina mais lembrada do gênero terror, seguida pela senhora Bates (Psicose).

Lançado em 9 de maio de 1980, 'Friday the 13th' contou com o orçamento curto de  apenas 500 mil dólares e bateu recorde de bilheteria.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Curiosidades Cinema

Aclamado pela crítica, o mesmo alcançou em seu primeiro filme da franquia a marca de 39.754.601 milhões de dólares, que era uma quantia enorme, se for levado em consideração o cenário sócio-político e econômico daquele ano.

Atualmente, a franquia possui 9 filmes clássicos, mais 'Jason X', 'FreddyXJason'  e 'Jason',  sendo esse último lançado em 2009 como remake do carro chefe de 1980. No total, os filmes do Serial Killer [mais famoso do mundo] arrecada até hoje a quantia de 500 milhões de dólares, pois o eterno assassino ainda mexe com o imaginário dos amantes do terror.

Em análise mais profunda sobre o cinema de gênero terror, mais especificamente a saga 'Friday the 13th', é possível observar que em ambas as filmagens, tanto a de 1980, como a de 2009, foram tomados vários cuidados com a essência do filme e com o personagem do notório assassino imortal da franquia, Jason. É possível observar também os recortes feitos em ambas as filmagens, como, por exemplo:

'Friday the 13th' 1980: Conta-se a história do filme no ponto de vista da mãe de Jason, que é a Serial Killer da primeira filmagem e que é destacado no filme a vingança dela pelo filho.

O foco da história em 1980 se baseia na sede de vingança da Senhora Voorhees, que mata quase todos os personagens, exceto a protagonista, que a mata nas últimas cenas do filme.

'Friday the 13th' 2009: A temática do filme muda de foco. Logo no início, há uma breve história contada sobre a mãe de Jason, morta logo nas primeiras cenas do filme por outra atriz que interpreta a cena final do filme de 80, quando é cortada a cabeça da senhora Voorhes, mostrando assim a inversão dos papéis.

Se em 1980 a mãe vingava a morte do filho, em 2009, Jason vinga a morte da mãe. 

Cenas sensuais, jovens usando drogas e bebendo, são de praxe em filmes de terror, mas Jason  tem seu diferencial porque mostra como funciona a mente de um psicopata. Levado a acreditar, por sua mãe já falecida, que ele só morreu por descuido de pessoas que estavam praticando atos libidinosos, o assassino se tornou bem mais sanguinário e impiedoso do que no filme de estreia.

Porém, muitos amantes do filme acreditam que nenhuma outra refilmagem, apesar de ser muito boa, jamais substituirá a atmosfera que era transmitida pela franquia original.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo