Quando foi anunciado em 2013 que o ator Ben Affleck foi o escolhido para viver o Homem Morcego em um novo filme, muitos fãs ficaram preocupados. Afinal, Affleck havia sido o protagonista de uma das piores adaptações de super-heróis já feitas: o filme Demolidor, de 2003, fracasso de público e crítica. Estaria ele à altura de encarnar um personagem tão icônico e complexo, ainda mais depois do sucesso da trilogia de filmes de Christopher Nolan?

Ou mostraria ser como George Clooney, cujo filme de 1997, Batman & Robin, está na lista negra dos fãs do Cavaleiro das Trevas? Essas dúvidas foram sanadas, por assim dizer, a partir do momento em que começaram a sair os primeiros trailers de Batman vs Superman: A Origem da Justiça. O longa, dirigido por Zack Snyder, faz jus aos dois maiores personagens do Universo DC. E ainda prepara o terreno para o aguardado filme da Liga da Justiça.

No filme vemos um Batman mais sombrio, agindo praticamente à margem da lei, utilizando armas e batendo sem dó, uma abordagem corajosa e acertada de Zack Snyder. Podemos perceber um claro distanciamento dos filmes de Christopher Nolan, sem qualquer traço de um Bruce Wayne playboy visto em outros filmes. É um Batman mais cru, mais visceral, bem ao estilo das histórias do personagem criadas por Frank Miller.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Curiosidades Cinema

O Superman também não é uma unanimidade no filme, sendo encarado com um misto de admiração, medo e desconfiança. Nada daquele Superman bom moço. Como visto anteriormente no filme O Homem de Aço, esse Superman é capaz de eliminar uma cidade inteira ao lutar com um único inimigo.

O filme contém várias atuações boas. Afleck conseguiu provar que está à altura do papel, tanto como Bruce Wayne como o Batman.

Henry Cavill já havia provado que é o novo Homem de Aço e consegue manter o tom do personagem. Mas os destaques vão para Jesse Einsenberg, como Lex Luthor, um vilão cínico, psicótico e manipulador; e Gal Gadot, que calou a boca dos críticos que diziam que a atriz israelense não tinha o tipo físico apropriado para viver a Mulher Maravilha. A atriz tem uma boa presença de cena. Quando ela aparece no filme (parte da cena mostrada nos trailers) ela consegue desviar o foco para ela.

Enfim, o trabalho de Zack Snyder em apresentar a "Trindade" da DC Comics, resultou em um filme sombrio, mais adulto, sem o tom colorido dos filmes do Universo Cinematográfico Marvel. O que pode indicar uma nova era de filmes de super heróis no Cinema. E se depender de Zack Snyder, provavelmente esse será o tom dos filmes do Universo Cinematográfico da DC. Os fãs de histórias em quadrinhos aplaudem e agradecem.

E que venha o filme da Liga da Justiça.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo