O escritor de 30 anos, Danilo Leonardi, dono do Cabine Literária (canal do universo da literatura no YouTube), é guarulhense e administra uma das páginas na Internet mais populares sobre o assunto. Já são mais de seis milhões de visualizações nos quatro primeiros anos de canal, segundo informações do site Exame. As atualizações ocorrem uma vez por semana e recebem, em média, 25 mil acessos diários.

Para quem quer entrar na onda dos livros, os vídeos mostram, de maneira simples e objetiva, diversos pontos de vista sobre obras literárias, resenhas, opiniões, atualidades e até séries de TV. O aumento dos fãs de literatura que acompanham o canal é perceptível no número de inscritos.

Desde o último sábado (8), até a noite de terça-feira (11), mais 135 novos perfis do YouTube se cadastraram no site para receber as atualizações.

No entanto, Leonardi afirmou que o crescimento é regular. “O crescimento sempre foi bastante estável. Não vi nenhum pico misterioso ao longo desses seis anos”, disse o escritor em entrevista por e-mail. Embora o Cabine esteja estável, para anunciar na página é necessário desembolsar cerca de R$ 2 mil, de acordo com informações da Veja São Paulo. “Não temos patrocinadores, infelizmente. Mas conseguimos fechar um bom número de vídeos de publicidade”, explicou.

Toda a criação do canal se deve à mente criativa do escritor guarulhense. “Ele saiu da minha cabeça mesmo. Parecia uma boa ideia e, como ninguém estava fazendo isso, senti que era importante”, contou.

Os melhores vídeos do dia

E acrescentou: “O Cabine representa minha origem no YouTube, ele me serve de base pra tudo que eu fiz depois”.

Os seus autores preferidos são: Neil Gaiman, Andrew Smith e George RR Martin. Ele também acompanha canais de filosofia e de Pokémon.

Para ajudar Leonardi na empreitada, uma turma de mais três amigos trabalha nos vídeos. São eles: Gabriel Utiyama, Cesar Sinicio e Lucia Robertti. Vale ressaltar que Sinicio, de 37 anos, é professor de inglês, formado em psicologia e também morador de Guarulhos. Ele conta como conheceu cada integrante do Cabine.

“Conheci o Danilo ainda na época do Orkut, há mais de dez anos, nos tornamos amigos por termos gostos nerds em comum e ele até fez parte do grupo de teatro há uns anos. A Lucia era aluna de uma escola em que fizemos divulgação do grupo de teatro e acabou se juntando a ele. Quando o Danilo queria uma menina leitora, eu a indiquei para entrar no canal, antes mesmo de fazer parte da equipe. Já o Gabriel, conheci na época em que namorou o Danilo”, ressaltou Sinicio, também por e-mail.

Ele conta que o interesse pela literatura surgiu através das obras da coleção Taba, de 1982. “Eles vinham com disquinhos de vinil e tinham a história contada e músicas (muitos clássicos da MPB) que permitiam que você lesse, acompanhasse as ilustrações e ouvisse ao mesmo tempo”, complementou. 

É perceptível a sintonia dos integrantes do grupo nos vídeos. O professor ainda resume em poucas palavras o que pensa sobre cada um: "Lucia é um doce; Gabriel sempre coerente; Danilo é forte e o Cesar, o professor".