Beyoncé largou na frente nas indicações ao Grammy 2017, principal premiação da Música norte-americana. O anúncio dos indicados foi feito nesta terça-feira, 06 de dezembro, em Nova York.

A cantora já tem 20 troféus na carreira e pode ganhar mais nove caso vença em todas as categorias em que foi indicada. Drake, Rihanna e Kanye West possuem oito nomeações cada.

Beyoncé concorre pelas músicas do álbum "Lemonade", lançado em abril deste ano.

O trabalho é o sexto da carreira da norte-americana, que divulga as músicas através da turnê "The Formation Tour".

"Lemonade" foi lançado primeiramente no serviço Tidal, pertencente ao seu marido e produtor musical Jay-Z. Na época, a companhia descreveu o álbum como um "projeto conceitual" que se baseia "na jornada de autoconhecimento e cura de todas as mulheres". O trabalho mais recente de Beyoncé conta com as participações de The Weeknd, Kendrick Lamar, Jack White e James Blake.

Um dos principais concorrentes de Beyoncé na categoria de álbum do ano é "25", de Adele. Lançado em novembro do ano passado, o trabalho marcou o retorno da britânica a um álbum completo de estúdio. O último havia sido o "21", de 2011, que garantiu seis troféus do Grammy para a cantora.

Do álbum "25" vem o sucesso "Hello", que concorre aos prêmios de gravação do ano e de música do ano. Nas mesmas categorias está "Formation", de Beyoncé.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Música

Quem também está na briga é Drake, com seu álbum "Views", lançado em abril deste ano sendo o quarto trabalho de estúdio do artista canadense. O rapper ainda concorre na categoria de gravação do ano pela participação na música "Work", que integra o álbum "Anti", de Rihanna.

"Purpose", de Justin Bieber, e "A Sailor's Guide To Earth", de Sturgill Simpson, fecham a disputa na categoria de melhor álbum.

O Grammy 2017 está marcado para o dia 12 de fevereiro de 2017, no Staples Center, em Los Angeles.

Veja a lista dos principais indicados:

Álbum do ano: "25" (Adele), "Lemonade" (Beyoncé), "Purpose" (Justin Bieber), "Views" (Drake) e "A Sailor's Guide To Earth" (Sturgill Simpson).

Gravação do ano: "Hello (Adele), "Formation" (Beyoncé), "7 Years" (Lukas Graham), "Work" (Rihanna feat. Drake) e "Stressed Out" (Twenty One Pilots).

Música do ano (concedido aos compositores): "Formation" (Khalif Brown, Asheton Hogan, Beyoncé Knowles & Michael L. Williams II), "Hello" (Adele Adkins & Greg Kurstin), "I Took A Pill In Ibiza" (Mike Posner), "Love Yourself" (Justin Bieber, Benjamin Levin & Ed Sheeran) e "7 Years" (Lukas Forchhammer, Stefan Forrest, Morten Pilegaard & Morten Ristorp).

Revelação: Kelsea Ballerini, The Chainsmokers, Chance The Rapper, Maren Morris e Anderson Paak

Álbum pop vocal: "25 (Adele), "Purpose" (Justin Bieber); "Dangerous Woman" (Ariana Grande), "Confident" (Demi Lovato) e "This Is Acting" (Sia).

Álbum de rock: "California" (Blink-182); "Tell Me I'm Pretty" (Cage The Elephant); "Magma" (Gojira), "Death Of A Bachelor" (Panic! At The Disco) e "Weezer" (Weezer).

Álbum urbano contemporâneo: "Lemonade" (Beyoncé), "Ology" (Gallant), "We Are King" (KING), "Malibu" (Anderson Paak) e "Anti" (Rihanna)

Álbum de rap: "Coloring Book" (Chance The Rapper), "And The Anonymous Nobody" (De La Soul), "Major Key" (DJ Khaled), "Views" (Drake), "Blank Face" (ScHoolboy Q) e "The Life Of Pablo" (Kanye West).

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo