Como já mencionado aqui mesmo neste espaço, Bryan Cranston será protagonista da versão americana do sucesso francês ‘’Intocáveis’’. Então, vamos dar uma pequena olhada neste ator norte-americano de 61 anos, nascido Bryan Lee Cranston.

O ator ficou conhecido no Brasil por seu papel na ótima série Breaking Bad, em que interpretava o pacato professor de química Walter White, que, ao descobrir ser portador de câncer, muda totalmente o rumo de sua vida ao se tornar traficante de metanfetaminas. A série deu destaque mundial para o ator, mas, antes de Breaking Bad, Bryan já havia trabalhado em várias grandes produções cinematográficas, mas em papéis de pouco destaque.

O ator já havia trabalhado na superprodução de Steven Spielberg O Resgate do Soldado Ryan, de 1998, e paralelamente à série que o fez ser conhecido no Brasil e no mundo, Bryan também esteve em produções como Little Miss Sunshine, de 2006; Drive, de 2011; e Argo, de 2012, além de ter trabalhado como dublador. Em 2014, o ator esteve no filme Godzilla (todos precisam pagar suas contas).

Outra série em que Bryan Cranston teve destaque foi na produção da Fox Malcom in the Middle. Também fez pontas na clássica série Seinfeld, como o dentista Tim Whatley, um médico que aprontava muitas confusões.

Além de atuar, Bryan também é diretor, tendo ficado por trás das câmeras em alguns episódios de Malcom in the Middle, Breaking Bad e Modern Family. Também atuou como dublador em animações e na série Mighty Morphin Power Ranger, em que deu voz a monstros, (de novo, todos precisam pagar suas contas).

O ator foi agraciado quatro vezes com o Emmy pela série Breaking Bad e em 2016, recebeu uma indicação ao Oscar pelo papel título no filme Trumbo. Depois de ter vivido o roteirista Dalton Trumbo, Bryan interpretou o presidente americano Lyndon B. Johnson na produção da HBO Até o Fim (All The Way, no original em inglês), em um impressionante trabalho de caracterização.

Esta produção não ganhou os cinemas, tendo sido veiculada diretamente na televisão. Neste filme é contada a história deste pouco conhecido presidente americano que assumiu a presidência dos Estados Unidos logo após o assassinato do presidente John F. Kennedy.

Anthony Hopkins foi mais um que se rendeu ao talento de Bryan Cranston. "Sua performance como Walter White é a melhor atuação que eu já vi na vida", disse. Este é só um pequeno trecho da carta que o eterno Hannibal Lecter enviou para o eterno Walter White, dizendo como a interpretação de Cranston o impressionou na série Breaking Bad.

Bryan recusou-se a participar da sofrível produção Batman vs. Superman – A Origem da Justiça, em que faria o papel do vilão Lex Luthor. Além de ótimo ator, Bryan Cranston mostra ser também bem inteligente.