Nesta quinta-feira (14) estreou o filme ‘’Feito na América’’ (‘’American Made’’, no original em inglês), novo filme do astro Tom Cruise. No filme, o ator interpreta o piloto de avião Barry Seal que trabalha para a TWA. Seal, de caráter duvidoso, está em um momento de estagnação da carreira e aproveita-se da sua profissão para praticar pequenos golpes, como traficar charutos cubanos.

Por esta razão, ele acaba chamando a atenção da CIA, que precisava de um piloto para operações secretas de monitoramento em áreas de conflito em vários países. Em uma dessas missões, Seal acaba envolvendo-se com o Cartel de Medelín. A partir de então, o piloto vê-se cada vez mais envolvido nas atividades ilícitas de um Pablo Escobar em inicio de carreira.

O diretor da produção, Doug Liman, ganhou fama ao dirigir o primeiro longa-metragem da franquia Bourne ‘’A Identidade Bourne’’, (‘’The Bourne Identity’’), de 2002, atuou como produtor executivo em ‘’A Supremacia Bourne’’, (‘’The Bourne Supremacy’’), de 2004, e também como produtor executivo em ‘’O Ultimato Bourne’’, (‘’The Bourne Ultimatum’’), 2007. Além de ter dirigido a comédia ‘’Vamos Nessa’’, (‘’Go’’); o equivocado ‘’Sr. e Sra. Smith’’, (‘’Mr. and Mrs. Smith’’); o apenas correto ‘’Jumper’’, entre outros.

Em ‘’Feito na América’’, o diretor optou por uma estrutura narrativa calcada no humor para contar como um insatisfeito piloto de avião construiu um império traficando drogas e armas tanto para traficantes colombianos quanto para o governo dos Estados Unidos.

O diretor já havia trabalhado antes com Tom Cruise na ficção científica ‘’No Limite do Amanhã’’, (‘’Edge Of Tomorrow’’), produção de 2014, e ainda está por vir ‘‘Luna Park’’, outro filme de ficção científica com a dupla.

Tom Cruise, que é mais conhecido por seus filmes de ação, nunca escondeu de ninguém que ser diverte com suas missões impossíveis e coisas do gênero, o que faz com que muitas pessoas tenham esquecido suas boas interpretações como no filme ‘‘Nascido em 4 de Julho’’ (‘’Born on the Fourth of July’’), de 1989, dirigido por Oliver Stone. Ou ainda sua pequena participação em ‘’Magnólia’’, de Paul Thomas Anderson, de 1999.

Nestas duas produções, o ator chegou a concorrer, respectivamente, ao Oscar de Melhor Ator e Melhor Ator Coadjuvante. Além de sua impagável participação na comédia ‘’Tempestade Tropical’’, (‘’Tropic Thunder’’), de 2008, dirigida por Ben Stiller.

Outro ponto positivo de ‘’Feito na América’’ é o fato que neste filme Tom Cruise não corre. Talvez o ator volte a mostrar suas habilidades como velocista no vindouro ‘’Luna Park’’. #TomCruise #dougliman