O livro dos #recordes, em inglês Guinness World Records, atrai público de todas as tribos, ideias, idades e credos. Muitas pessoas adoram saber as #Novidades sobre os desafios superados pela humanidade.

A ideia de publicar um livro tão curioso e atraente surgiu no Reino Unido, onde a primeira edição do livro foi lançada em 1955, com o título The Guinnes Book of Records, logo se tornou um best-seller (livro mais vendido). Além de ser a autoridade mundial em #registro de recordes da atualidade, o livro também é recordista em vendas, superando a marca de 138 milhões de cópias vendidas em mais de 20 línguas e 100 países.

Recentemente, o site publicou a disponibilidade da 63ª edição do livro, que traz novidades extraordinárias para todos os públicos.

Veja algumas novidades

As mulheres de estilo vão conhecer as unhas mais compridas em um par de mãos (feminino). O estilo pode ser dos cílios. Então, elas também podem apreciar os cílios mais longos do mundo. Em se tratando de visual, quem for do ramo de cabelos vai querer ver o estilo de cabelo mais alto do mundo.

Os esportistas dedicados ao corpo e seus cuidados vão conhecer a garra do fisiculturista mais idoso, mas se for dedicado aos esportes da mente, pode conhecer o menor jogo de xadrez do mundo (é do tamanho de uma moeda).

Quem aprecia o mundo dos gatos vai se espantar com o gatinho doméstico com o cauda mais longo do mundo. Se gosta de bichinhos de pelúcia invés de vivos, confira o mais fofo dos recordes, a maior coleção de ursos de pelúcia do mudo.

Já no mundo gastronômico, uma novidade de dar água na boca, com 100 kg de batatas, 400 litros de óleo e muitos ingredientes, a maior chamuça indiana (tipo de pastel) do mundo.

Os melhores vídeos do dia

Como ser um recordista no livro dos recordes?

Se bater aquela vontade de registrar o seu recorde anote aí. Registre-se no site www.guinnessworldrecords.com, onde você poderá ver os recordes existentes com todos os dados sobre ele e as regras específicas. Em se tratando de recorde já criado, você deverá seguir as instruções do site que serão enviadas por e-mail.

Após receber o e-mail você deverá, em primeiro lugar, reunir provas como vídeos, fotos, transmissão em TV ou público e testemunhas. Não precisa ser todas as espécies de provas, mas quando mais provas melhor.

Faça um plano para atingir o recorde e marque uma data específica que iniciará o desafio. Se você tiver um recorde comprovado, parabéns, você receberá um certificado oficial.

O número de registros é enorme e a cada ano aumenta. Então, ter um certificado não significa necessariamente que seu recorde irá figurar na lista dos publicados no livro, mas, sim, uma boa dedicação para sua marca mundial. Se não for recordista, pode aproveitar as extraordinárias novidades do livro dos recordes 2018.