Morreu aos 86 anos o ator John Gavin, que interpretou o namorado de Janet Leigh em Psicose (Psycho, 1960), clássico de Alfred Hitchcock. Ele também foi embaixador norte-americano no governo do ex-ator e colega Ronald Regan.

John Anthony Golenor, seu nome verdadeiro, nasceu em 08 de abril de 1931, em Los Angeles. Seu pai descendia dos imigrantes espanhóis que foram os primeiros proprietários de terras na Califórnia e sua mãe era mexicana, também vinda de uma família abastada de diplomatas. Seus pais queriam que ele fosse advogado e ele se formou mesmo em direito e economia com honras na Universidade de Harvard.

Muito jovem, foi convocado para lutar na Segunda Guerra Mundial e também lutou na Guerra da Coréia, dando baixa do exército em 1955. No exército ficou amigo de Rock Hudson, que após atingir o estrelato o convidou para fazer um teste de elenco. A Universal gostou do galã e deu-lhe um pequeno papel em Onda de Paixões (Raw Edge, 1956), . o estudio pretendia fazer dele o novo "Robert Taylor". Logo ele ganhou seu primeiro papel principal em Atrás das Grades de Ferro (Behind the High Wall, 1956). Em 1958 ganhou um Globo de Ouro de ator revelação por seu trabalho em Amar e Morrer (A Time to Love and a Time to Die, 1958) e em seguida ele teve grande destaque no remake de Imitação da Vida (Imitation of Life, 1959), estrelado por Lana Turner.

No ano seguinte foi escalado como Sam Loomis, o amante de Janet Leigh em Piscose [VIDEO] (Psycho, 1960) e como Julio Cesar em Spartacus (Idem, 1960).

Alfred Hitchcock odiou sua atuação no filme e dizia que havia dirigido um pedaço de tábua. Anos mais tarde o ator se desculpou pela sua atuação dizendo que se soubesse da importância que o filme teria na história teria se dedicado mais ao papel.

Apesar de ter feito filmes importantes, sua carreira nunca deslanchou totalmente, e ele viu mais oportunidades de trabalho na televisão, atuando em séries como Destry (1964) e Convoy (1965). Na televisão teve problemas como o chefe do estúdio Lew Wasserman [VIDEO], rival declarado de Ronald Regan e um dos responsáveis pelo término de sua carreira de ator.

Com problemas na televisão, assumiu a presidência do Screen Actors Guild, o sindicado dos artistas, entre 1971 e 1973. Até 1981 fez pequenos trabalhos no #Cinema e televisão, sem praticamente nenhuma expressão. Mas em 1973 tentou retornar ao estrelato concorrendo ao papel de James Bond, mas perdeu a chance de ser o novo agente 007 para George Lazenby.

Na época ele lamentou perder o papel, dizendo que se tivesse sido mais famoso poderia ter sido escolhido como o novo Bond. Na década de 80, após abandonar a carreira de ator, dedicou-se à diplomacia e em 1981 foi nomeado Embaixador dos Estados Unidos no México pelo então presidente Reagan, servindo até 1986 nesta função.

Depois de deixar a vida de diplomata, passou a dedicar-se aos negócios, sendo conselheiro de grandes empresas e universidades, onde eventualmente deu aulas de economia.

O ator foi casado com as atrizes Cecily Evans e com Constance Towers, com quem se casou em 1974 e permaneceu casado até a sua morte em 09 de fevereiro de 2018.

John Gavin em Psicose

#Hollywood