No antigo Egito, eles eram venerados como deuses. Inclusive, faraós e plebeus cultuavam uma deusa com cabeça de gato, chamada Bastet. À época, 2575 a 2134 a.C, a deusa-gata simbolizava os poderes benéficos do Sol.

Agora, um felino que não é cultuado como um “deus”, mas que literalmente foi comprado por uma clarividente russa a “peso de ouro”, se destaca da maioria dos animais e seres humanos, por supostamente ter poderes sobrenaturais.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o antigo proprietário do misterioso felino, Dmitry R, que celebra a venda do bicho pelo astronômico valor de 66.750 euros (mais de 226 mil reais), equivalente a um carro de luxo no Brasil, desde que herdou o gato da tia morta, situações incomuns começaram a acontecer na casa.

Segundo o jornal europeu Express, de quinta-feira (26), ele afirma que o bicho, chamado Charles Utkins, pode atravessar portas e ainda tem a capacidade de “controlar a mente” das pessoas.

Publicidade

Conforme o russo, que diz odiar peixes e salsichas - as refeições preferidas do gato -, ele chegou a acordar às 5 horas da madrugada sentindo uma estranha vontade de comer esses alimentos.

Para Dmitry, que reside com a esposa em Blagoveshchensk (Rússia), não há dúvida da repentina fome por peixe e salsicha ser obra do “gato paranormal”.

Porém, ele e a esposa não são os únicos a crer nas capacidades mediúnicas de Charles Utkins.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Curiosidades Política

A mulher responsável por comprá-lo, cujo nome permanece anônimo, retratada pela imprensa russa de “bruxa siberiana”, também confirma os poderes paranormais do bicho.

Depois de viajar 2.800 km para examinar o animal, afim de comprovar as "aptidões" de Charles, ela se convenceu das habilidades psíquicas demonstradas pelo felino.

O russo conta que após chegar à casa dele munida de aparatos místicos, a vidente fez um rápido “exame” no bicho, antes de adquiri-lo pelo exorbitante valor de 66.750 euros.

“Ela é uma vidente, e veio com toda a sua parafernália. Ela fechou o gato no quarto, e rapidamente decidiu comprá-lo", revela.

Ao que tudo indica, para a mulher pagar o preço absurdo por um simples gato, ele no mínimo deve ter demonstrado algo insólito para ela.

Ou, a suposta “bruxa siberiana” deve ter fetiches sexuais por gatos...

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo