Em destaque no céu da Nova Zelândia, um objeto voador não identificado (ovni/UFO) é filmado acima de uma base militar, na noite de quarta-feira (18).

Josh Marshall, 16 anos, autor da gravação, conta testemunhar o intrigante ovni na ilha de Blenheim, situada ao Sul do país.

De acordo com o adolescente, o enigmático objeto aparenta girar sobre o próprio eixo.

Segundo o jornal europeu Daily Mirror, o garoto conta que a insólita estrutura, gravada pelo telefone celular, surgiu enquanto ele estava na casa de um amigo.

Publicidade
Publicidade

No vídeo, o jovem observa a incomum característica do UFO, ao dizer para o colega, enquanto filma a cena, que ele parece ter um buraco no meio.

Marshall, que demonstra cautela ao declarar opinião sobre a anomalia captada, salienta não saber a procedência do ovni. Contudo, argumenta saber exatamente o que o objeto não é.

"Eu não estou certo do que é, mas não é um avião, não é uma estrela, e não um satélite. Eu não tenho ideia do que mais poderia ser", fala.

Testemunha diz que objeto parecia girar em torno do próprio eixo (Josh Marshall)
Testemunha diz que objeto parecia girar em torno do próprio eixo (Josh Marshall)

Ele destaca outra estranheza percebida em torno da estrutura, ao ressaltar que durante o tempo em que esteve visível, “estrelas pareciam se mover em torno dela”.

O adolescente ainda acentua que na ocasião, o UFO parecia estar sobre uma base da Força Aérea e de um aeroporto, localizados na mesma área em que a gravação ocorreu.

Embora não confirme a origem da estrutura, a Airways Corporation, autoridade aérea da Nova Zelândia, corrobora as alegações do jovem, ao destacar que “poderia muito bem” ter sido uma aeronave.

Publicidade

O astrônomo local John Homes, membro da Wellington Astrological Society, após analisar o vídeo, comenta não conseguir identificar a estrutura.

Apesar de saber que muitas vezes o planeta Vênus é confundido com naves espaciais, ele descarta a possibilidade, ao avaliar que “se não fosse pelo buraco escuro no meio”, até poderia se tratar de um corpo celeste.

O recente avistamento acontece ao mesmo tempo em que a Agência Central de Inteligência (CIA), torna público 13 milhões de documentos secretos sobre investigações de ovnis realizados pela entidade.

Para acessá-los, copie o link abaixo e cole no navegador:

(https://www.cia.gov/library/readingroom/collection/crest-25-year-program-archive).

Leia tudo e assista ao vídeo