Casais que já estão há muito tempo juntos, já passaram da etapa de querer ter relações íntimas o tempo todo e em qualquer lugar. Quando estamos apaixonados por alguém, é muito comum querermos passar todo o tempo do lado da pessoa, mas quando o namoro já está muito antigo, o sentimentalismo exagerado de querer ficar ao lado da pessoa todos os momentos não cabe mais aos dois. A prioridade agora é uma grande ligação entre o casal e ter uma boa amizade planejando alguns projetos para o futuro, lidando com momentos, sejam bons ou ruins, mas sempre um do lado do outro.

É aí que se encontram as complicações. Quando você passa a ter um convívio muito exagerado, várias coisas incomuns passam a virar rotina em um relacionamento [VIDEO].

Embora algumas pessoas pensem que são apenas manias naturais, outras pensam que são Comportamentos inaceitáveis para a vida do casal.

Comportamentos esquisitos que acontecem em um relacionamento de longa data

Apelidos esquisitos e vergonhosos

1 - Mozão, chuchuzinho, pitchuco, torrão de açúcar, e por aí segue. Você não tem ideia de onde veio, ele não te simboliza e nem dá uma apimentada na hora das relações, mas, mesmo assim, vai ser uma forma carinhosa de seu parceiro lhe chamar ao longo do Relacionamento.

Você vai fazer de tudo para que os seus amigos não descubram, mas , quando menos esperar, sua companheira vai gritar bem alto quando você estiver com seus amigos jogando uma pelada: "Vai chuchuzinho, vai pitchuquinho". E é nessas horas que a zoação inicia.

2 - A mania de espremer espinhas e cravos

Ao longo do relacionamento, a mulher sempre arruma um tempinho e vira uma máquina de tirar cravos e espinhas.

3 - Barulhos esquisitos e cheiros desagradáveis são parte de um relacionamento

Ao longo do tempo, o hábito de peidar e arrotar acaba fazendo parte do cotidiano. Além disso, essas coisas até podem ficar divertidas quando o odor parece com alguma coisa estragada. No início do namoro, é muito comum que segure a vontade de peidar, mas quando a relação já é antiga, a vergonha vai acabando.

4 - Você agora ri da desgraça alheia

No início do relacionamento, era só ela cair que você imediatamente ia correndo para ajudá-la. Mas, ao longo do convívio, quando ela tropeça e cai, além de dar muitas gargalhadas, você conta tudo para as amigas dela.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante e nos ajuda a debater temas de relevância para a nossa sociedade.