Quem nunca ficou balançada ao receber uma mensagem inesperada de alguém que saiu de sua vida sem dizer adeus? Ou até mesmo alguém que foi embora querendo ficar? Entretanto, é necessário educar suas emoções momentâneas para evitar dores de cabeça futuras, uma vez que aquele que um dia você amou não é mais a mesma pessoa. Isso é válido para você também. A mudança na vida dos seres humanos é constante, por isso tentar voltar ao passado na esperança de ter tudo aquilo que já obteve um dia é um equívoco tamanho.

Veja algumas situações em que isso acontece.

1. Ele não mudou

Na ânsia de lhe querer de volta, ele promete que tudo será diferente e que você não se arrependerá de ter dado uma segunda oportunidade para vocês dois.

No começo ele até atende suas vontades, lhe fazendo ceder ainda mais; porém, em poucos dias ele se mostra verdadeiramente quem é. Dessa forma, você chega à conclusão de que nunca deveria ter voltado para ele. Não se esqueça que as pessoas não costumam mudar com facilidade. A menos que seu ex tenha passado uma situação que o faria ver a vida de outro ângulo, você não deverá acreditar em mudanças repentinas.

2. Você se livrou de uma dor futura

Ocasionalmente, pela empolgação do relacionamento, certas mulheres não enxergam os defeitos do parceiro; assim sendo, enganam-se acreditando que o cara é preocupado, fofo e carinhoso, quando na verdade ele se mostra ser ciumento e agressivo. É necessário desconstruir o pensamento da sociedade atual de que quem sente ciúmes está demonstrando amor. Na realidade, sente ciúmes quem não confia ou quem alimenta um sentimento de posse pelo outro.

Tome cuidado com atitudes grosseiras da parte do seu ex-parceiro. Ninguém pode lhe dizer que roupa irá usar, quais lugares frequentará ou com quem sairá. Somente você é dona de si e não cabe a ninguém ditar regras sobre sua vida e seu comportamento.

3. Não era para ser

No início do término, tudo é extremamente dolorido. Dessa maneira, torna-se impossível controlar o desejo de reatar o relacionamento ou, mesmo que o parceiro não queira, surge a vontade de pedir para voltar. Contudo, é preciso analisar o porquê de não ter dado certo e, a partir do reconhecimento, nutrir o sentimento de começar novamente. Seguir em frente é essencial para quem não deseja estagnar-se em uma lembrança de uma relação que chega ao fim.

4. Escolha melhor

Antes de se envolver com alguém, analise friamente os pontos positivos e negativos. Não permita que um sentimento com a falsa esperança de ser duradouro tome conta de você e lhe impeça de observar quem acaba de chegar a sua vida. Não se apaixone logo de cara, abra bem os olhos antes de abrir o coração. Lembre-se que certas dores e erros podem ser evitados com uma simples análise crítica de alguém que você acabou de conhecer.