Apesar de ser um produto [VIDEO]muito popular, muitos ignoram o fato de que o fio dental é uma invenção brasileira, sendo largamente utilizado pelas brasileiras ao longo da década de 1980, quando se tornou extremamente popular. Para as mulheres brasileiras, o “fio dental” é largamente aceito e são um dos modelos mais vendidos no comércio de roupa íntima, mas os homens não fazem muito o uso dessas peças no Brasil. Porém, na Europa, a quantidade de homens e mulheres usando fio dental como roupa íntima é equivalente. Mas certos cuidados devem ser tomados.

1 – Vestindo saia curta

Por mais que possa parecer uma espécie de “senso conservador”, a combinação [VIDEO]de Calcinha fio dental com saias curtas tende a não ser muito indicada, principalmente em lugares públicos.

Onde existe uma grande movimentação de pessoas, também costuma existir uma concentração ainda maior de bactérias e microrganismos que podem causar diversos tipos de problemas. Usar esse tipo de roupa íntima vai deixar a região genital muito desprotegida, e as bactérias presentes podem infestar a genitália feminina.

2 – Comprando roupas

Imagine que uma Mulher usando uma calcinha fio dental está experimentado roupas, como saias, vestido e calças. Não é difícil esperar uma infecção, pois existe um mito de que as roupas no comércio são limpas, mas a verdade não é essa. Geralmente as peças são provadas por várias pessoas e não há como saber se existem microrganismos nocivos nas peças, portanto é nada mais que um risco desnecessário que muitas mulheres correm.

3 – Estando menstruada

Nessa ocasião, as mulheres devem ter cuidado redobrado, tanto quanto com a higiene quanto com a aparência, afinal, ninguém quer que ocorra o temido “vazamento”, que tende a ser muito constrangedor.

As calcinhas do tipo fio dental, além de não protegerem muito bem a região íntima (dependendo da roupa) podem ser catastróficas quando combinadas com absorvente. O absorvente externo precisa de uma superfície maior para aderir e absorver, e o fio dental pode até facilitar casos de vazamento.

4 – Durante a ginástica

Esse costume de usar fio dental na ginástica tende a ser muito comum nas academias de maneira geral, porém não é uma combinação muito boa. Em primeiro lugar, temos os tecidos utilizados na prática de exercícios, geralmente muito elásticos e justos. Isso torna a região íntima extremamente abafada, pois evita que o ar circule. Em segundo lugar, as sessões de exercício provocam muito suor, e uma das regiões que ficam mais úmidas é justamente a íntima, não é raro as mulheres chegarem dos treinos com a calcinha completamente molhada. E, por último, o próprio tecido e design da calcinha fio dental pode causar desconforto devido aos movimentos dos exercícios, que vai fazer a pele entrar em atrito com a calcinha.

5 – Ficando grávida

Sem dúvida a gestação é um dos momentos mais bonitos para as mulheres, mas também é o período de cuidados especiais, até porque estando gestante, o risco de adquirir infecções na região genital é consideravelmente maior. Até mesmo o transporte de bactérias do ânus para a vagina é muito facilitado pelo fio dental.