O beijo é um dos costumes [VIDEO]mais antigos da humanidade, mas não vem com um manual de regras e tudo se aprende ao longo da vida. Mas na lista abaixo está uma série de erros clássicos que só tende a causar vergonha para si e para os outros. São coisas a serem evitadas, mas que a maioria das pessoas já fez ou planeja fazer e termina arrependendo-se depois. Confira.

1 – Lugares públicos

Aqui existe um misto de bom senso e educação, afinal, a maioria das pessoas se sentem extremamente desconfortáveis com “demonstrações de afeto” muito intensas e espalhafatosas.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Relacionamento

Claro que não é proibido beijar em público, mas beijos de língua não são muito recomendáveis, para isso existe o cinema e lugares mais discretos [VIDEO], onde não há problema algum em beijar à vontade.

2 – Mordidinhas

Apesar de estimulante e excitante que a prática tende a ser, é necessário saber do parceiro, pois todas as pessoas têm seus limites e coisas que não gostam de fazer. Dependendo da pessoa, ela poderá gostar de ganhar – e dar – mordidinhas, ou simplesmente detestar o hábito. Forçar isso tende a quebrar o clima romântico e aí o prazer relacionado pode deixar de existir completamente. Conversar é excelente para descobrir esse tipo de coisa, melhor que a estratégia “tentativa e erro”.

3 – Beijo aspirador

O beijo é um ato natural, suave e delicado. Mas algumas pessoas tendem a beijar de uma maneira peculiar, que consiste em chupar a língua do outro, aspirar o ar da boca do parceiro em um movimento de sucção que só atrapalha a atmosfera sensual. Portanto é uma “técnica” a ser totalmente descartada, a não ser que você queira deixar o seu parceiro sem ar e incomodado, dando uma péssima impressão, principalmente se for a primeira vez que o casal está tendo intimidade.

4 – Beijo forçado

É todo aquele que um dos envolvidos beija o companheiro com demasiada força, o que nada mais é que um clichê, tipo de coisa que só funciona em filmes. Opte sempre pela naturalidade, afinal, o prazer deve ser para ambos e cortar o “barato” do outro dessa forma pode ter consequências bem ruins, causando até mesmo dores e isso irá implicar em uma possível rejeição, que tende a ser especialmente ruim até mesmo psicologicamente falando.

5 – Pressa

A pressa é um dos principais inimigos do beijo e não deve acompanhá-lo, a não ser que você vá perder um trem. Tente conhecer melhor o seu parceiro, e com o tempo, em uma relação transparente em que existe bastante conversa sincera, cada um vai saber dos gostos e preferências do outro, sempre sendo preferível iniciar o beijo de maneira suave e carinhosa. A velocidade e intensidade aplicadas vão ser definidas por movimentos sutis e naturais, logo, nada de afobação, apenas curta o momento e conheça seu parceiro.