As mulheres, em geral, têm um especialista que não pode faltar de maneira nenhuma em sua vida. Desde a puberdade até ficar mais velha, o ginecologista é o melhor amigo das mulheres quando o assunto envolve a Saúde íntima. São eles os principais responsáveis por cuidar da região íntima do gênero feminino. Esses especialistas têm como finalidade zelar pelo sistema reprodutor delas. E esses especialistas sempre estão prontos para ensinar todas as informações úteis para que elas fiquem longe de perigos. Existem muitas mulheres que preferem consultar com o mesmo especialista e, por esse motivo, elas acabam se abrindo profundamente e contando verdadeiros segredos.

O que a maioria das pessoas nem imaginam é que os ginecologistas [VIDEO] não gostam de alguns comportamentos que elas praticam na clínica ou que as façam correr algum risco de saúde.

Eles, por serem profissionais, optam por não falar nada para não deixá-las constrangidas com a situação. Com o objetivo de deixar as mulheres bem informadas e atentas no consultório, elaboramos uma lista com atitudes que eles não aprovam, mas preferem ficar de boca fechada.

Confira 3 comportamentos que o gênero feminino pratica, mas que os ginecologistas não gostam

1 – Mulheres que não contam a verdade sobre os sintomas

Embora pareça bizarro, a maioria das mulheres sentem tanto pavor dos especialistas que acabam fazendo uma coisa erradíssima, que é mentir sobre seus sintomas. Elas acabam fingindo que não há nada de errado.

Alguns são perceptíveis, mas elas preferem deixar de lado. Nenhum médico gosta dessa atitude e possuem toda a razão, aliás, eles não querem sujar seu nome e ter a fama de não curar ninguém. Por isso, é essencial que, ao marcar uma consulta, a mulher tenha total confiança em contar os seus sintomas para que ele possa fazer o diagnóstico.

2 – Mulher que sente vergonha dos próprios pelos da região íntima

Sem dúvidas, a depilação é vista mais como um fator estético do que como higiene. Nenhum especialista gosta de mulheres que se sentem desconfortáveis em se mostrarem pelo motivo de estarem com alguns ‘pelinhos’ na região íntima. Eles, inclusive, falam para as mulheres que é sempre bom deixar sim alguns pelos na região. Isso porque, eles têm como finalidade proteger a Vulva de várias impurezas.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante e nos ajuda a debater temas de relevância para a nossa sociedade.