Já pensou em descobrir se seu casamento chegará ao fim com 6 anos de antecedência? Pois é, com esse teste de apenas duas perguntas isso é possível.

Dois pesquisadores da universidade da Virgínia se desafiaram a prever o fim de um casamento com apenas duas perguntas simples.

Eles coletaram informações de 3600 casais heterossexuais que responderam a essas duas perguntas:

  • Mesmo que seja muito difícil de acontecer, imagine todas as áreas da sua vida. Quais as mudanças que ocorreriam se você se separece?
  • Qual seria o grau de felicidade depois da separação?

A - Igual

B - Muito pior

C - Pior

D - Melhor

E - Muito melhor

E o seu parceiro? Como você acha que ficaria a felicidade dele após a separação?

Após seis anos da pesquisa, 7% dos casais haviam se separado.

Ao contrário do que se pensava, a pergunta que definiu o término dos casais não foi sobre a própria felicidade, mas sim sobre como o parceiro ficaria após o divórcio.

Os casais que se separaram foram aqueles que não tinham ideia de como ficaria a felicidade do outro após o divórcio.

O estudo também comprovou que exagerar na felicidade do outro é pior que subestimar a mesma. A maior parte dos casais que se separaram disseram que o parceiro não seria feliz fora do casamento.

Conclusão do estudo

Quando o(a) companheiro(a) pensa que seu(sua) parceiro(a) está totalmente feliz no casamento, não se preoucupa tanto em agradar.

O estudo também comprovou que, quando não há comunicação entre o casal, as coisas dão muito errado, e os sinais desse problema surgem anos antes do fim do casamento.

Isso não quer dizer que não há uma forma saudável de conseguir consertar o casamento, se os problemas são apenas na comunicação e rotina e ainda existe amor.

O importante é nunca deixar a comunicação de lado, pois é conversando que nos entendemos. Enquanto houver respeito e vontade de ficar juntos, tudo pode mudar.

Mas quando você mesmo não enxerga uma solução ou simplesmente não se interessa em achar uma forma de conviver melhor, é hora de por um fim para que ninguém saia machucado.

O erro de muitos casais é ir "empurrando com a barriga" uma situação até que se torne insustentável, daí vem as traições e o respeito passa a não existir.

Um fim nessas situação será sempre doloroso para ambas as partes, principalmente quando um ainda tem esperança de consertar a situação.

Análise seu casamento e veja se no seu caso o teste realmente tem razão.

Boa sorte e seja feliz.

Siga a página Tendências
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!