Para quem acompanha os noticiários a crise econômica é um assunto recorrente. Além disso, as dificuldades financeiras que o mundo atravessa já são perceptíveis quando se vai comprar algo. Com as roupas não é diferente, já que acompanham as altas dos preços de outras mercadorias atreladas à fabricação e revenda delas. Dessa forma, um novo mercado está se destacando na atualidade. Trata-se da comercialização de roupas usadas, o chamado "brechó".

Existente há muito tempo, o brechó tem ganhado força nos últimos anos justamente pelos valores elevados que as roupas novas têm apresentado. Por tratar-se de algo que já foi utilizado por outra pessoa, a peça comprada nesse tipo de comércio também representa um ponto positivo para a preservação ambiental, uma vez que muitos recursos naturais deixam de ser empregados para que sua confecção se torne possível.

Alguns brechós, contudo, possuem um caráter solidário, pois são promovidos com a intenção de se ajudar o próximo. É comum de se ver em associações de bairros ou voltadas ao auxílio de pessoas carentes a comercialização de peças usadas.

Os bazares, entretanto, não se limitam à venda de peças de roupas. Outros acessórios são utilizados como forma de mercadoria. Sapatos, bolsas e até mesmo bijuterias podem ser empregados quando o objetivo é vender itens usados que possam ajudar muitas outras pessoas.

Roupa amiga da natureza

Em se tratando do viés ambiental que o brechó possui, o assunto é de importância bastante profunda, já que o meio ambiente interfere diretamente no modo como as pessoas e os animais vivem no planeta.

Com as mudanças climáticas cada vez mais acentuadas em decorrência da forte ação do homem na natureza, trata-se de uma preocupação com bastante fundamento.

Alguns fenômenos climáticos têm ocorrido de maneira devastadora, fazendo com que inúmeras famílias tenham de deixar suas casas para procurarem abrigo em locais seguros.

Especialistas no assunto esclarecem que a maior parte dessas alterações naturais se devem ao fato da descontrolada forma com que as cidades têm avançado sobre o campo, implicando em desmatamentos incontáveis.

Moda mais democrática

Ao contrário do que ocorria em épocas passadas, a moda tem permitido com que cada indivíduo use somente o que lhe agrade.

Esse fato pode ser comprovado ao se observar as celebridades que cada vez menos seguem um padrão de estilo.

O importante, segundo entendedores do assunto, é que cada pessoa se sinta bem conforme as convicções que tem acerca do mundo e do conceito de estética. Dessa forma, o brechó possui muita utilidade, pois pode conter uma infinidade de peças que se adequarão aos mais variados tipos de estilos existentes.

Siga a página Moda
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!