Uma ginecologista está lançando um sério e preocupante aviso relacionado com o rastreamento da pele. Em sua opinião, as mulheres não deveriam usar qualquer roupa como parte de baixo, e aconselha as mulheres a não vestirem nada sob suas roupas. Donnica Moore é o nome da especialista em saúde íntima [VIDEO], que está preocupando com suas recomendações, uma vez que ela refere sérios riscos para a Saúde feminina.

A moda de não vestir sutiã é uma realidade recente, pelo menos entre algumas celebridades. Quanto ao uso de toda a roupa íntima, a verdade é que a grande maioria das mulheres se sente mais confortável com. Exceção a algum vestido mais ousado ou que marque a roupa de baixo, mas geralmente, as mulheres usam todas essa peça de roupa, em seu dia a dia.

No entanto, Donnica considera isso um erro, e a verdade é que suas justificativas estão recolhendo muita aceitação. Não quer isso dizer que as mulheres vão mesmo fazer o que ela diz, e deixarem de lado suas partes de baixo, mas muitas estão concordando com isso que ela falou. Porém, para que melhor se entenda toda essa polêmica sobre roupa interior [VIDEO], o melhor é entender os prós e os contras que a médica está apontando.

Benefícios de não vestir parte de baixo

Enquanto as mulheres estão vestindo roupas íntimas por anos, Donnica Moore lançou alguma luz sobre os riscos que representam para sua saúde. "Não é bom ter sempre as partes da senhora apertadas. Elas precisam de ar como todas as outras partes do seu corpo", explicou a médica. Na opinião da especialista, existem, de facto, alguns riscos associados à sua não utilização, incluindo mostrar o que não se quer, mas ela acredita que esses riscos são superados pelos benefícios.

De acordo com Moore, existe um grande risco de aumentar o calor e de suor na área da virilha, por estar sempre coberta. Isso aumenta o risco de irritação, urticária ou outro tipo de infecção, diz ela. Depois, tem ainda o problema da qualidade dos materiais utilizados na roupa íntima. "Se a sua roupa interior é de renda ou feita de material não respirável, esse risco é ainda maior, pois esses materiais irritam a pele em uma área mais delicada e podem causar erupções cutâneas e reações alérgicas", de acordo com a justificação da médica.

Desvantagens de não usar

Há, no entanto, desvantagens em dispensar partes de baixo. E estão muito relacionadas, uma vez, que têm a ver com o uso da outra roupa. Em caso de vestido ou saia, a Mulher arrisca mostrar demais, e cair em alguma situação embaraçosa. Por isso, essa opção não parece nada confortável, especialmente no inverno. Depois, tem a possibilidade da calça ou short machucar, provocando os mesmos sintomas ou até piores do que se estiver usando lingerie. "As costuras que correm ao longo da virilha de calças apertadas, como jeans, são particularmente arriscadas", explicou a médica.

A especialista aconselhou, então, que a mulher desse preferência a roupa mais leve, ou então usar uma parte de baixo mais larga, macia e de algodão.