As relações íntimas [VIDEO] podem ser vistas como um tabu para um grande número de pessoas, mas essa opinião deve ser mudada! O sexo parece ser a resposta para muitos dos problemas. Aparentemente, favorece a longevidade, a felicidade e mantém o corpo saudável. Confira alguns dos benefícios:

1 - A relação íntima é uma metáfora para o resto de sua relação

Quando um casal tem um relacionamento bom e duradouro, [VIDEO] a maioria das vezes isso reflete na hora ‘’H’’, mantendo uma relação íntima agradável. O inverso também é verdadeiro. Então, quando não se entendem entre quatro paredes, também terá problemas no relacionamento, pois os dois estão inseparavelmente ligados.

É preciso estar envolvido na hora das #Relações íntimas, pois assim criará um laço maior, fortalecendo seu relacionamento.

2 - É melhor do que navegar no Facebook

Provavelmente você gasta muito tempo navegando no Facebook, atualizando seu feed e vendo novidades sobre a vida de quem tem interesse. Claro, é saudável conversar com seus amigos e partilhar novidades. Porém, se você refletir, perceberá que dar atenção ao seu parceiro [VIDEO] pode ser algo mais agradável. Ainda que você goste vídeos engraçados, ou vídeos de animais e bebês, nada se compara a emoção que você pode viver com seu #parceiro em quatro paredes.

3 - É bom para sua saúde

Está comprovado, conforme a ciência, que a relação íntima faz sim muito bem para a saúde. Um dos #motivos é pelo fato das relações aumentarem o ritmo cardíaco, queimar calorias, ajudar a dormir melhor e estar associado a uma diminuição considerável do estresse.

Sem contar que ele melhora muito seu sistema imunológico, o deixando mais forte, e podendo fazer até mesmo que você viva por mais tempo.

4 - A relação aproxima o casal

A relação é algo íntimo, que faz você e seu parceiro mais do que simples colegas de quarto. É algo único que você só compartilha com ele, e mais ninguém. Por esse motivo, as relações íntimas ajudam a você expressar um romance, amor e paixão que talvez não conseguiria expressar com palavras ou atitudes.

5 - É como ir a um encontro - em casa

Caso você tenhas filhos, certamente sabe o quanto difícil é sair. Você precisará encontrar uma babá e estar em casa a tempo para que ela possa ir embora. Mesmo saindo, pode não gostar do passeio que fizer com seu parceiro. As relações ajudam a você se distrair, como se fosse ir em um lugar, com a garantia que irá gostar, não precisando nem mesmo sair de casa. Justamente por não precisar sair do conforto de sua cama, você poderá fazer quantas vezes quiser, sem pagar restaurantes, cinemas e nem ter que gastar com uma babá.

6 - Obriga a comunicação

Além se ser extremamente prazeroso e divertido, as relações íntimas lhe ajudam a ter uma comunicação melhor, pois você e seu parceiro precisarão dialogar sobre o que ambos gostam, não gostam ou querem que façam. Não há nada mais íntimo do que tais diálogos, e os benefícios fora do quarto serão enormes.

7 - É divertido

Você pode fazer coisas nas horas extras que realmente gosta, como assistir seu programa favorito ou ouvir suas músicas preferidas. Mas, certamente, fazer amor com seu parceiro será muito mais divertido.

8 - O grande "O"

Durante o ápice da relação, um neurotransmissor chamado ocitocina será liberado por seu cérebro. Esse hormônio, segundo pesquisas, é um dos ingredientes mais importantes para uma pessoa aumentar o amor, confiança, laços afetivos e reduzir o medo. Por esse razão, o ápice é extremamente prazeroso.

9 - Ajuda-o a crescer como pessoa

Em uma relação saudável é necessário estar bem consigo mesmo. Por isso, suas relações íntimas lhe ajudarão a aceitar sua aparência ou vergonha de dizer o que quer, superando tais dificuldades.

10 - Relações íntimas ajudam você a se sentir mais como um homem/mulher

É uma tarefa difícil se sentir feminina quando está certificando que não tem pasta de dente nos espelhos. No caso dos homens, é difícil se sentir masculino quando está servindo seus filhos ou sendo um motorista. As relações afetivas lhe ajudarão e lembrar como é ser você mesmo, estimulando sua feminilidade e masculinidade novamente. Também lembrará sua relação única com o parceiro.