Alguns crimes que acontecem no Brasil chamam a atenção pelo modo como podem se desenrolar. [VIDEO] Há muitas ações criminosas que, infelizmente, envolvem muitas pessoas de uma mesma família. É o que aconteceu na cidade de Curitiba, no estado do Paraná. Por lá, uma mãe de 33 anos foi presa acusada de um crime absurdo. De acordo com as autoridades, ela molestava o próprio filho. [VIDEO]Os abusos aconteceram diversas vezes. Além de abusar do garoto, que na época da prisão, tinha 11 anos de idade, a mulher fazia questão de filmar toda a ação. O menino contou às autoridades que "doía demais" o que sua mãe o obrigava a fazer e que sabia que os atos eram errados.

Mãe abusa sexualmente do próprio filho de onze anos; vídeo exibe o crime absurdo

O menino era apenas um adolescente e estava começando a ter os primeiros ímpetos sexuais. No entanto, a sua mãe não permitiu que ele conhecesse uma menina e se relacionasse, preferindo cometer o tamanho absurdo contra o jovem. O caso revoltou todo o Brasil. Muita gente não consegue entender como a própria mãe teve coragem de desonrar o seu filho. "Nossa, coitada dessa criança. Ele jamais vai esquecer o que esse monstro fez com ele', disse um dos internautas. Outros lembraram que o abuso sexual, dessa vez, não foi cometido por um homem e sim por uma mulher. "Isso mostra que o crime não tem gênero e que existem pessoas ruins de todos os gêneros", falou mais um dos seguidores.

Padrasto ajudava a fazer filmes pornográficos de mãe molestando o próprio filho

Além da mulher, um homem também foi preso.

De acordo com as autoridades, ele seria padrasto da criança. O homem ajudava com que o crime fosse gravado. Acredita-se que o casal enviasse os vídeos íntimos da criança para amigos ou até vendesse o material. A polícia diz que a mãe, cuja profissão era ser garota de programa, prostituía o filho nos vídeos para ganhar um dinheiro a mais de pedófilos. Além da dupla, outras quatro pessoas acabaram sendo presas durante a operação da polícia. A mãe e o padrasto do menino devem responder pelo crime de estupro de incapaz. Quando isso ocorre, a pessoa pode ficar diversos anos presa.

Pai do menino denuncia mãe prostituta por vídeos de pedofilia

O pai do garoto foi quem denunciou a ação aos investigadores. Ele disse que assim que teve como provar os abusos que o garoto sofria decidiu denunciar tudo. O homem agora está com a guarda do menino e tenta dar a ele uma vida menos assustadora que a do passado. #Mãe estupra filho #É Manchete!