O universo materno é repleto de momentos maravilhosos, mas também é cheio de grandes desafios e só quem é mãe sabe, não é verdade? Embora muitas vezes se ouve dizer que todas as mamães são iguais, na prática não é bem assim. Confira este artigo e descubra o tipo de mãe que você deseja ser ou já é e também o tipo que não deseja ser.

Mamãe superprotetora

Cuidar e proteger os filhos é o dever de todas as mães [VIDEO]. No entanto, este tipo costuma extrapolar nos cuidados com seus filhos, criando uma redoma onde considera que eles nunca erram.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Maternidade

Saiba que este tipo de comportamento muitas vezes atrapalha o desenvolvimento dos pequenos.

Mamãe festeira

Qual mãe ou pai não ama celebrar mais ano de vida dos seus filhos, reunir amigos e familiares? É difícil quem não aprecie este momento, não é verdade? Mesmo que a comemoração seja a mais simples possível, muitas mães e pais esquecem que o aniversariante é a criança e fazem tudo de acordo com o próprio gosto.

Lógico que nos primeiros anos de vida do seu filho(a), ao festejar o aniversário da criança, as escolhas são suas, mas dependendo da faixa etária da criança, [VIDEO] ouça suas escolhas e avalie o que poderá ser feito na festa.

Mamãe meu filho(a) pode tudo

Este tipo de mãe é permissiva e prefere ignorar os erros da criança, deixando que o pequeno ou a pequena faça o que bem quiser, estando certo ou errado. Faz todas as vontades da criança sem pensar em mais nada, sede as birras e ignora a falta de educação. Muitas vezes a justificativa para a falta de limites da criança é ele ou ela é assim ou também poderá ser que já nasceu assim. Este tipo de comportamento prejudica a visão da realidade da criança, o bom senso e o que será dela no futuro.

Mamãe sargento

Autoritária ao extremo, este é o tipo de mãe não se importa com as opiniões dos filhos ou de qualquer outra pessoa, somente as suas decisões e escolhas prevalecem.

Saiba que este tipo de comportamento prejudicará muito não só a convivência com seus filhos como também com as demais pessoas ao seu redor.

Mamãe de rede social

É muito fácil ser mãe ou pai no Facebook, no Instagram ou Twitter, postar, compartilhar os momentos felizes, o desenvolvimento dos pequenos com os amigos, participar de grupos, trocar ideias e experiências com outras mamães. No entanto, algumas delas esquecem que nem tudo deve ser exposto nas redes sociais, até mesmo para a segurança e dos filhos [VIDEO].

Gostou do artigo? Compartilhe com os amigos e em suas redes sociais.