As porcentagens não enganam e apenas confirmam aquilo que muitas pessoas pensam: é mais fácil para os homens atingirem o orgasmo [VIDEO] do que para as mulheres. De acordo com a Pesquisa Nacional de Sexo e Comportamento, realizada na Inglaterra, 91% dos homens atingem o prazer, durante as relações, um número bem superior ao 64% de mulheres, que conseguem o mesmo. Curiosamente, os homens disseram que suas parceiras atingiram o clímax 85% das vezes, o que pode significar apenas uma de duas coisas: ou eles estão mentindo, ou elas estão fingindo.

No entanto, de acordo com a mesma pesquisa divulgada pelo jornal Daily Star, existem várias maneiras para aumentar as chances de ela conseguir atingir o clímax e subir essa porcentagem.

Veja as três dicas [VIDEO]para as mulheres chegarem mais facilmente no orgasmo:

1) Ficar na simplicidade - Muitos homens e mulheres acreditam que precisam fazer todo um tipo de malabarismos para ela ter prazer, o que poderia ser completamente falso. Pelo menos, é isso que diz uma pesquisa feita pelo Daily Star, que entrevistou os seus leitores, procurando por respostas. Em um realizado realizada a 9.360 mulheres, os resultados se revelaram esclarecedores.

Assim, 36% das mulheres disseram que uma relação íntima normal é a forma mais fácil para elas atingirem o orgasmo. O ato oral ficou somente no segundo lugar, com apenas 26% das mulheres dizendo que atingiram o orgasmo enquanto recebiam esse ato de seu parceiro. Também a masturbação ficou incluída nessa pesquisa, com 24% das mulheres dizendo que tinham prazer máximo durante esse ato.

2) Ela ficar no controle - É importante para os amantes se esforçarem, durante as relações, mas os homens devem também deixar que as mulheres dominem na intimidade. Como prova disso, vem a posição que elas dizem sentir mais prazer quando ficam por cima. Conchinha e cachorrinho são outras das posições em que elas dizem sentir mais prazer.

3) Não pular as preliminares - Como já foi várias vezes referido, uma relação íntima começa ainda antes do ato em si. Já foi várias vezes referida a importância das preliminares, que é, aliás, o que a maior parte das pessoas consideram o mais importante na cama. Em uma pesquisa recente do jornal Daily Star, eles perguntaram o que tornava uma pessoa boa na cama, e o vencedor foi: preliminares. Ficou mesmo à frente do tamanho do órgão íntimo e da resistência durante o ato. Segundo o levantamento, 36% das 4.994 pessoas disseram que as preliminares eram o fator mais importante quando se tratava de relações íntimas.