As animações da Disney passam por diversas modificações e adaptações em seus personagens, trama e estética até chegarem as suas versões finais. Essas modificações visam principalmente proporcionar um enredo e um quadro de personagens enxuto e de características cativantes e simples entendimento para as crianças.

Por essa razão, é comum que alguns personagens, que inicialmente estariam em algumas animações, acabem sendo cortados, seja por que o desenho já possui personagens demais ou porque simplesmente os roteiristas acham melhor substituí-los por outros mais relevantes ou carismáticos.

Na lista abaixo, você vai conhecer 8 personagens que existiam nas versões iniciais de suas respectivas animações, mas que, por qualquer motivo, acabaram cortados nas versões finais das mesmas.

Confira:

A mãe de Aladdin (Aladdin)

Bem, a ideia original de ''Aladdin'' era bem diferente do que acabou sendo na versão final da animação. Na versão original, Aladdin seria um rapaz ainda mais jovem do que na versão final do desenho.

Seu maior objetivo na vida seria ser motivo de orgulho para sua mãe. Acontece que a mãe do rapaz não ficaria nada orgulhosa ao descobrir que o filho estava roubando para poder sustentar sua casa.

Desiludida, a mãe de Aladdin daria a ele seu anel de noivado, para que o filho pudesse vendê-lo. Neste momento, Aladdin [VIDEO] perceberia que não estava sendo um bom filho, e o restante da animação seguiria de forma bem parecida com a versão final.

O golfinho Breaker ( A Pequena Sereia)

O conceito inicial de ''A Pequena Sereia'' continha mais um personagem, o golfinho Breaker, que faria companhia a personagem Ariel. Porém, não é preciso observar muito para perceber que a animação final já contem uma vasta gama de personagens.

Colocar mais um deixaria o desenho com uma carga excessiva de personagens. Então, a Disney acabou eliminando Breaker e colocando alguns traços de sua personalidade em Ariel.

O peru Redfeather (Pocahontas)

Na versão original do desenho, Pocahontas [VIDEO] teria mais um amigo, Redfeather, um peru sarcástico e tagarela, que seria dublado pelo comediante John Candy.

Infelizmente, Candy morreu antes de poder dublar Redfeather. Os estúdios Disney preferiram não substitui-lo e optaram por retirar Redfeather da animação.

O talismã falante Hucua (A Nova Onda do Imperador)

Nos rascunhos iniciais de ''A Nova Onda do Imperador'', o imperador tinha um conselheiro inusitado que, como era de se esperar, jamais era ouvido. O talismã falante Hucua acabaria cansado de ser sempre ignorado e se juntaria a Izma em seu objetivo de matar Kuzco. Hucua acabou cortado da história quando o tom deixou de ser dramático para focar na comédia.

A Señorita Cactus (Toy Story 2)

Nos rascunhos de Toy Story 2, a turma de Woody contava com a personagem Señorita Cactus. A Señorita Cactus, no entanto, não gostava da ideia de ser um brinquedo infantil e preferia ser tratada como uma action figure, ficando apenas em exposição. Além disso, ela seria uma espécie de antagonista na história, sempre aprontando algo para Woody e querendo levar a melhor em tudo. Ela acabou sendo substituída por outra personagem, que acabou mostrando-se indispensável para a animação: a Jessie. Afinal, parece que esta foi a melhor decisão da Disney para Toy Story 2.

O leãozinho Mheetu e a raposa Bathi (O Rei Leão)

Em sua versão original, ''O Rei Leão'' se chamaria ''Rei da Selva''. A mudança não aconteceu só no nome. A história contava com muitos personagens, os criadores acharam que ela ficaria muito ''cheia'' e acabaram retirando alguns. Existem dois destes, no entanto, que eles declaram-se arrependidos de terem retirado na versão final do desenho. São eles: o leãozinho Mheetu, irmão de Nala e a raposa Bhati, que fazia parte do grupo de Nala também. Muito embora estes personagens fossem fofos e os produtores preferissem que eles estivessem lá, eles foram considerados desnecessários ao enredo e foram retirados da trama.

Os irmãos de Moana (Moana)

O início da história da ''filha única do chefe'' era um tanto diferente; Moana tinha 9 irmãos em sua versão inicial. Estes teriam saído para navegar deixando a irmã para trás, ignorando o fato de que ela era melhor velejadora do que eles. Desta forma, a garota permaneceria ignorada pelo pai e pelos irmãos. Cada um dos irmãos pensados para a personagem teria uma personalidade diferente, mas começaram a ser cortados, um a um, para que o foco da trama não se perdesse e continuasse sendo a jovem Moana.