Muitos homens não sabem, mas existem diversos hábitos que nossas namoradas ou ficantes realizam que, infelizmente, prejudicam enormemente o sistema reprodutivo [VIDEO] delas. Muitos ginecologistas resolverem debater como algumas práticas podem ser mudadas. Ficou curioso sobre isso? Não deixe de conferir abaixo hábitos que devem ser abandonados o mais rápido possível:

1 – Exagerar na hora de comer doces

Não é novidade que muitas mulheres exageram na hora de comer doces, ainda mais quando estão na época de TPM.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Mulher

Muitas delas resolvem ignorar todas as consequências ruins que o açúcar pode trazer, exagerando e comendo como se não houvesse nenhum resultado maléfico após tamanha ingestão.

Entretanto, o amanhã chegará e, com isso, o resultado de seus atos podem não ser nada agradáveis. O carboidrato presente no nosso corpo pode se intensificar, se transformando mais tarde em ácido lácteo nas partes intimas das mulheres. Essa transformação é algo confirmado pelo hospital chamado Israelita Albert Einstein, que atualmente está localizado na grande São Paulo.

2 – Fazer uso de lubrificantes a base de óleo

Ginecologistas insistem em pedir para toda Mulher deixar o uso de tais lubrificantes o mais cedo possível, tudo isso devido ao óleo ser responsável por alterar o pH das partes íntimas das mulheres, resultando em mudanças drásticas no corpo. Não sendo bastante, o produto ainda pode causar corrimentos na região íntima, sem contar que não são nada seguros na hora H. Seu contato com o preservativo pode ser o suficiente para fazer com que ele rasgue e aconteça uma gravidez não planejada ou a infecção com alguma doença sexualmente transmissível.

3 – Sabonetes com um cheiro forte

Poucos sabem, mas o uso de sabonetes desse tipo podem acabar com algumas bactérias benéficas para toda mulher. Sim, benéficas. Elas se localizam nas partes íntimas, sendo necessárias para impedir doenças e infecções que façam algo ruim para as garotas. Sabonetes assim são perigosos justamente por alterarem diretamente na defesa natural do corpo, visto que altera o pH vaginal.

4– Banhos constantemente

Diversas mulheres amam tomar inúmeras duchas ao dia, aproveitando para ajudar na higiene e lavando as partes íntimas. Porém, tal ato é completamente errado, por existir naquele região uma camada lipídica, protegendo a pele da vulva. Caso jogue água frequentemente no local, isso irá apenas ajudar [VIDEO] na remoção dessa camada.