A primeira Sexta-feira 13 [VIDEO] do ano chegou, e, como sempre, o dia é cercado de superstições. Para as pessoas que acreditam, hoje é o dia que as bruxas estão circulando pelo mundo, e o azar está por toda parte. Varias histórias surgiram a cerca desta data ao longo dos anos, e teve seu auge no ano de 1907, quando foi lançado um livro com o titulo de “Sexta-feira 13”, escrito por Thomas Lawson, e conta uma história de vingança.

Com tantas histórias sobre o assunto, confira agora cinco superstições acerca da temida sexta-feira 13 [VIDEO]:

Tomar cuidado com gato preto

Na Idade Média, a cor preta sempre esteve associada a coisas ruins, fazendo com que os gatos pretos fossem “descriminados”.

As pessoas que viviam nessa época tinham a crença de que os felinos de pelo escuro eram, na verdade, bruxas disfarçadas.

O azar depois de derrubar sal

Hoje em dia o sal pode ser facilmente encontrado e, inclusive, tem um preço muito acessível, pois é um produto muito abundante. Mas antigamente isso era bem diferente, como na época do Império Romano, onde o então escasso produto era muito valioso, pois preservava os alimentos. Para evitar desperdícios do produto, os comerciantes criaram essa superstição, para evitar possíveis descuidos com o produto.

Não poder abrir guarda-chuva dentro de casa

O guarda-chuva é um produto que ganhou sua popularidade durante o século 19, mais especificamente no período que ficou conhecido como era vitoriana. Mas os guarda-chuva da época não eram como os que conhecemos hoje, pois tinham uma mecânica mais complexa, com peças bem pontiagudas, que poderiam causar graves ferimentos.

Na tentativa de evitar tais problemas, as pessoas começaram a espalhar a crença de que abrir guarda-chuva dentro de casa traria azar.

Não pode passar por baixo de uma escada

Essa superstição vale tanto para escadas que estejam escoradas, como as que estejam abertas em forma de triangulo. E o que muita gente não sabe é que a crença foi criada pela igreja católica, que acredita que a forma geométrica representa a santíssima Trindade e, ao passar por debaixo dela o equilíbrio entre o pai, o filho e o espirito santo é quebrado. No Egito antigo as pessoas também relacionavam os deuses com a forma geométrica do triangulo.

Sempre entrar com o pé direito

Essa é mais uma herança deixada pelos antigos romanos. No antigo império, os anfitriões sempre pediam para seus convidados entrarem na casa pisando primeiro com pé direito, pois isso evitaria que algo ruim acontecesse. A origem dessa crença está ligada ao significado da palavra “esquerda” em Latim, que é uma designação para “sinistro”.

Outras crenças

Ao longo dos anos diversas outras superstições foram criadas para essa data, como: Ter sete anos de azar ao quebrar um espelho; deixar chinelo virado com a sola para cima pode matar a mãe da casa; bater três vezes em uma madeira afasta os espíritos ruins, entre diversa outras.